sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Seis indiciados fogem de Delegacia em São Vicente

Uma fuga em massa movimentou a carceragem do Distrito Policial Sede de São Vicente na madrugada desta quinta-feira. Ao todo, seis presos, que estavam aguardando transferência para o Centro de Detenção Provisória de Praia Grande conseguiram fugir, após cerrarem uma das grades da janela e conseguirem acesso à rua.

Apenas um deles voltou para a prisão. Ele foi devolvido à carceragem pelos próprios pais, que querem que seja cumprida a punição ao filho.

Segundo informações das Polícias Civil e Militar, a fuga ocorreu por volta de 1 hora desta quinta-feira. Sem fazer alarde, os acusados, com o auxílio de ferramentas, conseguiram remover a grade, que estava enferrujada, e pular para uma sala de visitas que fica anexa ao local. Depois disso, eles apenas quebraram o vidro de outra janela e tiveram acesso à rua.

Detidos por tráfico, roubo e furto, eles não tiveram os nomes divulgados. No entanto, sabe-se que um deles, o último a sair, foi o primeiro a voltar. Ao chegar em casa, no inicio da manhã, os pais dele fizeram com que ele voltasse para cumprir a lei. Por enquanto, não há informações sobre os outros fugitivos.

Com condições precárias, o imóvel possui apenas duas celas que tem capacidade para seis pessoas, devido ao número de leitos. Segundo apurado, às vezes, no local, ficam de 10 a 15 presos.

A ocorrência teve que ser encaminhada para a Corregedoria da Polícia Civil, que deve apurar e esclarecer todas as circunstâncias da fuga. Acredita-se, em um primeiro momento, que a ação não foi facilitada pelos carcereiros de plantão. Entretanto, caso isso seja desmentido, os funcionários que facilitaram a guarda local são exonerados. O caso está sendo investigado.

Veículo com deficiente é roubado na Zona Sul da Capital

Um homem roubou um carro com uma mulher com deficiência mental, de 35 anos, que estava no banco traseiro do veículo. O automóvel, levado nesta tarde no bairro do Ipiranga, na zona sul de São Paulo, foi recuperado 1h30 depois. A mulher não sofreu ferimentos.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), um empresário deixou o carro estacionado com as chaves na ignição e a filha dentro do veículo enquanto foi entregar um doce para uma vizinha. O criminoso, então, entrou no veículo e fugiu.

O Grupo Armado de Repressão a Roubos (Garra) foi chamado e o rastreador do automóvel acionado. O ladrão abandonou o automóvel em uma rua próxima do crime sem ferir a refém. Imagens do circuito de segurança do prédio foram requisitadas pela polícia para a investigação. O caso foi encaminhado ao 17º Distrito Policial.

Polícia prende suspeito por 15 estupros

A polícia prendeu ontem em São Bernardo do Campo (ABC) um homem acusado de ter praticado pelo menos 15 estupros na região.

Segundo os policiais que participaram da prisão, o suspeito ameaçava as vítimas dizendo ser integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção criminosa que atua no Estado.

A polícia investiga também uma possível morte ocorrida durante um dos estupros atribuídos a ele.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Homem é baleado dentro de casa no Jardim Jaqueira

Um rapaz foi baleado na manhã desta quinta-feira 28/10 no bairro Jardim Jaqueira em Caraguatatuba.

Segundo testemunhas o atirador chegou em uma moto Honda, modelo CB300 dourada, invadiu a residência da vitima e efetuou os disparos.

A vitima identificada por "Adriano" vulgo "Gibi", saiu da cadeia recentemente onde cumpriu pena pelo crime de tráfico de drogas. Alvejdado por pelo menos seis tiros nas costas e cabeça, a vitima estava conciente e teria dito o nome do atirador, que seria atual namorado de sua ex-namorada.

Socorrido pelo Corpo de Bombeiros à Santa Casa de Caraguatatuba, o rapaz permanece internado.

Assaltantes invadem casa, trancam vítimas em quarto e roubam carga de R$ 46 mil em São José dos Campos

Um homem foi preso por roubar uma carga de mais de R$ 46 mil em São José dos Campos nesta quarta-feira (27). Ele e mais dois comparsas invadiram uma casa no bairro Jardim Portugal, onde eram armazenados produtos de beleza da empresa Avon. No local, cinco vítimas foram trancadas em um quarto. As vítimas conseguiram acionar a polícia.

O trio levou três celulares e um veículo carregado com a carga de R$ 46 mil até a casa de um deles, no bairro Dom Pedro II. Um dos homens foi encontrado pela polícia descarregando os produtos no local e foi preso em flagrante. O acusado de 35 anos tem passagem pela polícia por roubo e foi reconhecido pelas vítimas.

A polícia ainda procura os outros dois envolvidos no crime. De acordo com a Polícia Militar, a carga foi avaliada em R$ 46.203,61 mil e foi recuperada.

Homem é vítima de latrocínio no Jardim do Vale II, em Guaratinguetá

Um homem de 36 anos foi morto a tiros no Jardim do Vale II, próximo ao ferro-velho em Guaratinguetá. Segundo informações da polícia, ele era empresário na cidade. Segundo a esposa da vítima, ele havia saído de carro por volta das 20h, para levar um funcionário para casa.

Ele não voltou e só foi encontrado às 4h, sem o veículo. Ele tinha quatro perfurações no tórax e uma na cabeça. A vítima foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos. O homem tinha passagem pela polícia.

Adolescente continua sendo vítima de vioência em escola de SP

Uma das garotas que foi agredida na Escola Estadual Adhemar Bolina, em Biritiba Mirim, na região de Mogi das Cruzes, disse que parte dos colegas agora faz graça com a violência sofrida.

Na quarta-feira , após voltar à escola, a menina de 14 anos disse ter sido alvo de chacota. “Foi um dia ruim. [Alguns colegas de sala] têm dó, mas outros ficam rindo porque eu apanhei”, disse.

As brigas têm se tornado frequentes; mais de uma já foi, inclusive, filmada por celulares.

A aluna da 8ª série que se disse alvo de chacotas foi agredida na sexta-feira, a última confusão registrada. Ela se disse vítima de bullying desde o início do ano letivo e fez um boletim de ocorrência depois de apanhar das colegas de classe. As suspeitas, no entanto, negaram ao G1 ter provocado a confusão. Uma delas disse ter entrado apenas para separar a briga.

A garota agredida afirmou que uma colega de classe de 15 anos é quem mais lhe importuna. “Ela fala assim: ‘você se acha, mas compra roupa no brechó’."

A confusão teve início na última sexta em sala de aula. Segundo ela, uma amiga da colega de classe de 15 anos a ofendeu, chamando-a de "prostituta". Já no pátio, ela disse ter sido atacada por quatro garotas. O laudo do Instituto Médico-Legal (IML) apontou escoriações na região frontal, no antebraço e um ferimento na orelha da garota.

Outro lado

As duas apontadas como as principais agressoras, no entanto, negaram ter provocado a garota. A menina de 15 anos disse que só entrou para separar a briga. “Já me envolvi em confusão, mas dessa vez, não. Fui só separar a briga. Não foi muito, mas apanhei [na sexta-feira]”, afirmou.

A mãe da adolescente de 15 anos negou que a filha provoque confusões no colégio. “Ela até chorou de desgosto quando soube que estavam falando que ela tinha provocado a confusão”, afirmou a dona de casa. Para ela, a filha tem recebido um tratamento discriminatório na escola. “Ela já foi agredida. Fui reclamar na escola e ninguém fez nada”, disse.

A garota, porém, disse que não consegue se controlar quando é provocada. “Sabem que eu não aguento provocação. Sou esquentada”, disse ela que teve vários boletins de ocorrência registrados em 2010. Em maio, foram duas brigas com uma outra menina, o que a levou ao fórum. “Levamos um sermão. Para mim, resolveu. Para ela parece que não”, disse a garota de 15 anos.

A outra garota apontada como autora das agressões, suspeita de ofender a menina de 14 anos, disse que não foi ela quem começou a briga. "Foi ela quem falou que minha mãe era prostituta. E não o contrário", afirmou.

Professores mediadores

De acordo com a Secretaria da Educação, quatro garotas foram suspensas devido à confusão e os pais delas, convocados para uma reunião de conselho nesta quinta-feira (28), da qual participarão também a direção, funcionários do colégio e um representante da Diretoria de Ensino. A Diretoria de Ensino de Mogi das Cruzes solicitou que dois professores mediadores comecem a trabalhar na escola para evitar novos conflitos.

Brigas entre alunos

O presidente do Conselho Tutelar de Biritiba Mirim, Alexandre Batista de Araújo, afirmou que foram notificadas cinco denúncias de brigas em colégios estaduais e municipais do município, mas disse que ainda é cedo para dizer que Biritiba Mirim enfrenta um problema.

“Apenas em 60 ou 90 dias teremos um levantamento sobre esses incidentes e poderemos concluir se é ou não alarmante”, declarou. Sobre a agressão ocorrida na última sexta, Araújo disse que o caso corre em sigilo e que, por isso, não pode dar detalhes.

Dupla foge após apreensão de drogas e armamento em Guarujá

Um barraco no final da Rua Sete, na favela da Vila Selma, em Guarujá, servia como quartel-general do crime organizado. Além de drogas, no local foi apreendida farta munição, inclusive de armamento de grosso calibre. Dois homens que estavam no rústico imóvel de madeira conseguiram fugir, abrindo fogo contra policiais civis.

Os investigadores escaparam ilesos, mas identificaram os dois marginais que atiraram em sua direção. Um deles é conhecido apenas pelo nome de Flávio. O outro, procurado da Justiça, trata-se de Silvio Luiz dos Santos, o Toupeira, de 30 anos. Eles deverão ser indiciados pelos crimes de tráfico, associação para o tráfico, posse ilegal de munições e tentativa de homicídio.

Após receberem informações de que o barraco da Rua Sete era usado como laboratório de refino de drogas e depósito de entorpecentes, policiais da Delegacia de Guarujá se dirigiram até lá. Porém, quando caminhavam por um beco, eles foram recebidos a tiros pelos acusados. Em poucos minutos, outros investigadores chegaram para dar apoio, mas a dupla escapou.

Presos vão ser transferidos de delegacias

O governo de São Paulo recuou e decidiu reformular a resolução que mudou, no dia 21 de setembro, a regra de transferência de presos.

A resolução 219 da SAP (Secretaria de Estado da Administração Penitenciária), editada no dia 21 do mês passado, determinava, entre outros pontos, que CDPs (Centros de Detenção Provisória) não receberiam mais, das delegacias e cadeias públicas, foragidos da Justiça já condenados que foram recapturados ou presos ao cometerem novo delito.

A superlotação das carceragens da SSP (Secretaria de Estado da Segurança Pública) e o fato de um condenado ficar mais de um mês preso em uma delegacia foram criticados por especialistas e autoridades do Judiciário.

Professora suspeita de fazer sexo com alunas é presa

A professora Cristiane Barreiras, 33 anos foi presa ontem sob a acusação de ter mantido relações sexuais com duas alunas de 13 anos de uma escola municipal do Rio.

O Código Eleitoral afirma que, a menos de cinco dias das eleições, eleitores só podem ser presos em flagrante.

Segundo a polícia, a professora confessou e estava dormindo com a menina desde segunda, o que constitui flagrante.

O advogado da acusada disse que ela negou ter confessado. A prefeitura abriu sindicância e afastou a docente.

Cai número de feridos por PMs nos três primeiros trimestres

O número de pessoas feridas em confrontos com policiais militares no Estado caiu 18,2% nos três primeiros trimestres deste ano em relação ao igual período de 2009, mostram dados atualizados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública. Ao todo, foram 220 casos no ano, ante 269 entre janeiro e setembro do ano passado. Só no terceiro trimestre deste ano, foram 63 ocorrências. No mesmo período de 2009, houve 72.

Diminuiu em 13% a quantidade de homicídios dolosos (intencionais), entre julho e setembro. A modalidade passou de 1.078 registros em 2009, em período equivalente, para 937 no terceiro trimestre de 2010.

No caso de mortos em confrontos com a PM, a redução foi menos significativa. De janeiro a setembro, o total de mortos por PMs chegou a 374, cinco a menos do que nos três primeiros trimestres de 2009. No terceiro trimestre do ano, foram 100 mortes, ante 120 em igual período de 2009.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Mãe e filha são executadas na Martim de Sá

Mãe e filha foram executadas a tiros, por volta das 20:30 da noite desta terça-feira 26/10, na praia Martim de Sá em Caraguatatuba.

As vitimas foram mortas dentro da própria casa onde residiam na Rua. Fernão Dias Paes Leme. Segundo a policia três crianças que estavam na casa teriam presenciado as execuções, que teriam sido praticadas por apenas um indivíduo magro.

Claudia de Oliveira de 33 anos levou um tiro no peito e dois no rosto, a filha Caroline Maria de Oliveira de 16 anos foi atingida por dois tiros na cabeça.

A mulher teria saído da cadeia ha três meses, onde cumpriu pena pelo crime de tráfico de drogas. A policia não descarta acerto de contas como motivação do crime.

Polícia apreende adolescentes com porções de crack, maconha e cocaína

Dois adolescentes, de 15 e 16 anos, foram apreendidos por policiais militares de Itanhaém, na madrugada desta quarta-feira, depois de serem flagrados comercializando porções de crack, maconha e cocaína em plena Avenida Mário Covas, em frente à praia. Levados à Delegacia, prestaram depoimento e acabaram liberados, após a chegada dos pais. Os dois não tinham passagem criminal.

Por volta da 1h20, policiais avistaram dois jovens agirem de forma suspeita próximo à orla, no bairro Vera Cruz. Ao se aproximarem, os rapazes esboçaram uma tentativa de fuga, mas acabaram rendidos. Quando questionados sobre o que faziam no local, relutaram, mas acabaram confessando.

Em revista, foram encontradas 45 porções de crack, cinco de maconha e uma pequena quantidade de cocaína. Pela quantidade das substâncias, segundo a polícia, acredita-se que não era para consumo próprio. A versão foi confirmada pelos acusados.

No plantão da Delegacia Sede da Cidade, eles prestaram depoimento e os pais foram chamados para esclarecer a situação. Após terem assinado um termo de compromisso, os adolescentes foram liberados. Eles estão à disposição da justiça. O caso será acompanhado para que possam descobrir o fornecedor da droga.

Sem flagrante, suspeito de praticar 40 estupros é liberado no Rio

Após se entregar à polícia na terça-feira, o homem de 34 anos suspeito de praticar 40 estupros no estado do Rio foi liberado. De acordo com a polícia, o suspeito teve de ser solto porque a Lei Eleitoral proíbe prisões em casos onde não há flagrante cinco dias antes das eleições.

Segundo informações da 37ª DP (Ilha do Governador), 23 estupros teriam sido cometidos na Ilha do Governador, e outros 17 em Itaboraí, na Região Metropolitana do Rio. De acordo com a polícia, com o objetivo de facilitar o crime, o suspeito procurava vítimas solteiras e que morassem sozinhas. Ele também invadia as casas das vítimas durante a madrugada e, com uma faca, fazia ameaças.

Segundo a polícia, a investigação começou quando o suspeito deu um celular roubado de uma das vítimas para uma mulher. Todas as ligações foram rastreadas e a mulher foi chamada a depor.

Ainda de acordo com a polícia, no dia do depoimento, o suspeito foi com a mulher até a delegacia, onde foi ouvido e liberado. Desconfiados, os policiais continuaram a investigar o caso. Os investigadores checaram a ficha criminal do suspeito e descobriram que ele morava em Itaboraí, onde, na época do depoimento, já tinham sido registrados 13 casos de estupros. Todas as vítimas ouvidas descreveram o estuprador. O perfil, segundo a polícia, se encaixava na descrição do suspeito, que se entregou nesta terça.

Polícia prende mais quatro suspeitos de assalto a duas lojas em Ilhabela

Quatro pessoas foram presas em Guarujá por suspeita de integrar uma quadrilha que roubou mais de R$ 300 mil em mercadorias de duas lojas de Ilhabela na semana passada. Os bandidos usaram um barco para fazer o trajeto entre as duas cidades e realizar o assalto. Os policiais chegaram até os assaltantes depois de uma denúncia anônima. Eles estavam em uma chácara da Cidade.

O assalto foi na última sexta feira. Cinco criminosos desembarcaram em um píer, por volta das 17 horas. Eles entraram numa loja e roubaram joias e outros produtos. Depois, invadiram outro estabelecimento que vende roupas. Imagens de câmeras de segurança flagraram a ação, que durou menos de dez minutos.

No dia seguinte, a polícia prendeu um dos integrantes da quadrilha em uma pousada no Guarujá. Com ele foram apreendidas as armas e o barco usado na ação, além de parte dos produtos roubados.

Cão de guarda fareja droga e traficante que atuava na Vila São Jorge é preso

O pastor belga malinois Zeus, do Canil da Força Tática do 6º BPM/I de Santos, teve participação de destaque na incursão que policiais realizaram a pé no matagal atrás do Conjunto dos Estivadores, na Vila São Jorge, segunda-feira à tarde.

Sem se intimidar com o disparo efetuado por quatro rapazes na direção de seus colegas, Zeus avançou na direção do grupo, conseguindo deter um dos acusados.

Na sequência, Zeus ainda farejou a área e localizou escondida entre duas pedras uma sacola contendo cerca de 1,5 quilo de maconha dividido em oito tabletes, revólver calibre 38 com a numeração raspada e municiado com cinco balas, dois rádios de comunicação, balança de precisão e bateria de telefone celular.

Entre os capturados, menos sorte teve um adolescente de 16 anos. Literalmente abocanhado por Zeus, ele foi dominado em seguida pelos policiais. Vinicius da Silva, de 24 anos, foi o outro preso. Com o joelho machucado em decorrência de acidente ocorrido em outra data, ele não conseguiu correr.

Quadrilha tenta arrombar caixa eletrônico de supermercado

Cerca de quatro homens não identificados e armados tentaram roubar um caixa eletrônico bancário que fica no interior de uma loja de uma rede supermercados localizada no bairro do Humaitá, em São Vicente. Segundo a polícia, eles invadiram a loja e renderam os funcionários que faziam a ronda da madrugada. Sem sucesso, eles fugiram sem levar nada. Ninguém foi preso.

Segundo informações do Centro de Operações da Polícia Militar e do 3º Distrito Policial de São Vicente, a tentativa de roubo começou nas primeiras horas desta terça-feira. A quadrilha invadiu a loja Extra-CompreBem, situada na Avenida Marginal, 01, e conseguiu imobilizar os vigias que lá se encontravam. No entanto, o alvo não era o estabelecimento, mas o caixa eletrônico que fica no interior dele.

Com o auxílio de um maçarico, os quatro rapazes encapuzados tentaram de várias maneiras romper o lacre de aço do cofre do caixa, mas não obtiveram êxito. Por volta das 5 horas, eles desistiram do roubo e foram embora sem, aparentemente, levar nada e deixar alguma pista do paradeiro. A polícia foi então acionada.

A loja, durante a manhã desta terça-feira, permaneceu fechada para que fosse averiguado que nada foi roubado de fato. O caso foi encaminhado à investigação da delegacia responsável pela área. Ainda não há informações de suspeitos. As imagens do circuito interno de televisão serão usadas para tentar identificar os criminosos.

Mãe e filha são executadas na Martim de Sá

Mãe e filha foram executadas a tiros, por volta das 20:30 da noite desta terça-feira 26/10, na praia Martim de Sá em Caraguatatuba.

As vitimas foram mortas dentro da própria casa onde residiam na Rua. Fernão Dias Paes Leme. Segundo a policia três crianças que estavam na casa teriam presenciado as execuções, que teriam sido praticadas por apenas um indivíduo magro.

Claudia de Oliveira de 33 anos levou um tiro no peito e dois no rosto, a filha Caroline Maria de Oliveira de 16 anos foi atingida por dois tiros na cabeça.

A mulher teria saído da cadeia ha três meses, onde cumpriu pena pelo crime de tráfico de drogas.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

‘Tiririca’ morre atropelado na rodovia dos Tamoios

O pedreiro Francisco Evaldo de Souza, 47 anos, conhecido por Tiririca, morreu no neste final de semana, vítima de atropelamento na Rodovia dos Tamoios (SP-99), em Caraguatatuba.

Ele estava em uma bicicleta quando teria colidido com um veículo.
O acidente foi às 16h35 de sábado, na altura do Km 82, no bairro Jaraguazinho. Tiririca e o motorista do utilitário Saveiro, placas de Paraty (RJ), J.M.G., 25 anos, seguiam no mesmo sentindo, sendo que ele vinha pelo acostamento.

No citado quilômetro, segundo depoimento do motorista e testemunhas, ele teria tentando cruzar a pista, batendo no carro e caindo no chão.

Ele foi socorrido até o hospital Casa de Saúde Stella Maris, em Caraguá, mas não resistiu aos ferimentos e morreu vítima de traumatismo craniano.
O motorista do carro aguardou a chegada da viatura da polícia e prestou depoimento na delegacia sobre o ocorrido. (MC)

Foragido de Valparaíso, ‘Maguila’ é preso em Maresias ao passear com esposa

Policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG), do 2º DP, de Boiçucanga, na Costa Sul, prenderam na tarde de ontem o servente Márcio Antonio dos Santos, o Maguila, 46 anos.

Ele é foragido da Penitenciária de Valparaíso, região de Araçatuba, no interior de São Paulo, onde cumpria pena por tráfico de entorpecente.
Ele estava com a mulher na esquina da rua Nova Iguaçu com a rua da Cesp, no Sertão de Maresias, na Costa Sul de São Sebastião, quando foi reconhecido pelos policiais Ricardo Marques, chefe da equipe, Nozor da Silva e Julimar Pereira.

“Como ele já era um conhecido aqui, fizemos a abordagem e ele já foi dizendo que estava foragido”, explicou o investigador Marques. Ainda de acordo com ele, Maguila teria sido beneficiado com o indulto do Dia das Crianças (12 de outubro) e não retornou à penitenciária.
Ele foi recolhido e deve ser transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caraguá, de onde deve ser levado para a penitenciária. (MC).

Homem é morto a facada e corpo é jogado no mar em São Sebastião

O andarilho Silvano Alves de Paula, 29 anos, foi morto no último sábado, após levar um golpe de faca no peito. Seu corpo foi encontrado boiando próximo à Praia do Tebar, no Centro da cidade. Um casal de andarilhos foi preso suspeito de ser o autor do crime.
Segundo testemunhas que acionaram o 190, da Polícia Militar, o casal foi visto arrastando e jogando o corpo no mar.

Os policiais foram ao local verificar a denúncia e encontraram o corpo do ambulante.
Ainda no local, os policiais militares encontraram uma faca de cozinha na areia que estava cheia de sangue. Nas imediações, foram a uma casa abandonada onde encontraram a documentação da vítima
Com as características dos suspeitos, o Comando de Grupo da Patrulha fez diligências pela região e encontraram o porteiro I.C.S., 58 anos e a caseira T.C.O.E., 46 anos, que estavam com uma ‘barraca’ armada na Praia Deserta, também na região central.

Na delegacia, o porteiro prestou depoimento e teria confessado ser o autor do crime, mas em nenhum momento esclareceu o motivo de tal ato. Ele também teria deixando claro que sua companheira apenas o ajudou a arrastar o corpo para a água.

Os dois foram detidos. Ele deve ser transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caraguá e ela para a Cadeia de Ubatuba.
Após a prisão do casal no final de semana, ontem cedo, equipe da Prefeitura de São Sebastião esteve na Praia Deserta para recolher roupas e a carroça do casal preso.

Bandidos trocam tiros com a polícia durante fuga após assalto

Instantes após assaltarem um posto de gasolina na Avenida Martins Fontes, bandidos trocaram tiros com uma equipe da Polícia Militar na madrugada desta terça-feira, no Saboó, em Santos. Ao serem vistos em atitude suspeita, a dupla de acusados, que estava em uma moto com a placa dobrada, foi perseguida até o inicio do Morro da Penha, mas despistou os oficiais. Ninguém foi preso e não houve feridos.

Segundo informações preliminares apuradas pelo plantão da polícia civil de Santos, o crime ocorreu por volta das 5 horas. Com arma em punho, a dupla entrou no posto de combustível e roubou o dinheiro que estava no caixa, cerca de R$ 250,00 em dinheiro. Os funcionários do estabelecimento não reagiram e entregaram o que foi pedido. Até o início da manhã, eles não haviam prestado depoimento, por isso, a quantidade de bens roubados pode aumentar.

No momento do assalto, policiais militares passavam pelo local e avistaram os dois homens, que reagiram de forma suspeita. Além disso, o emplacamento da moto estava dobrado. A dupla então acelerou e foi seguida pela viatura. Houve perseguição e, em determinado momento, a garupa atirou contra os oficiais, que não se feriram e revidaram sem sucesso.

No sopé do Morro da Penha, os PMs perderam de vista os acusados. Eles ainda foram procurados na região, mas nenhum dos dois foi encontrado.

Vizinhos denunciam homem de agredir cadela no Campo Grande

Uma denúncia de maus tratos a animal doméstico gerou uma verdadeira confusão no plantão da Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos, que registra e centraliza todas as ocorrências da noite na Cidade.

Após ter sido flagrado por populares, um motorista, de 38 anos, foi levado à delegacia pela Polícia Militar, sob a acusação de ferir a própria cadela. Em seguida, a mulher dele, uma dona de casa, de 28 anos, apareceu e, transtornada, feriu a coordenadora e uma voluntária do Serviço de Proteção a Vida Animal, órgão ligado à Prefeitura Municipal de Santos, com um guarda-chuva. Ao tentar conter a situação, um investigador também acabou ferido levemente.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 18 horas, o acusado foi visto pelos vizinhos chutando e jogando a cadela contra uma das paredes da casa onde mora, localizada na Rua Álvaro Guião, no bairro do Campo Grande.

Representantes do órgão de defesa dos animais e a Polícia Militar foram acionados. Houve confusão e, por isso, todos foram levados ao Distrito Policial.

Já por volta das 20 horas, com o motorista negando todas as acusações e o cão sendo entregue aos representantes, a mulher do acusado apareceu gritando e gesticulando. Muito nervosa, ela ameaçou e feriu com um guarda-chuva todos os que os apareciam na frente. Em determinado momento, a acusada tentou sair com o animal, mas não obteve sucesso.

Diante das circunstâncias e sem a existência de um flagrante consumado pela polícia, o casal foi liberado mediante assinatura de termo circunstanciado. Os ferimentos também não foram graves e, por isso, a mulher apenas foi indiciada por desacato a funcionário público. Após verificar o sistema unificado, descobriu-se que o acusado havia passagem pela polícia por outros tipos de agressão, como ao idoso.

A cadela, por sua vez, passa bem e não corre risco de morrer. Na mesma noite, ela foi encaminhada a uma veterinária.

Seis presos fogem de cadeia no interior de São Paulo

Seis presos fugiram no final da tarde de segunda-feira da cadeia pública de Itapira, no interior de São Paulo. Dois deles foram recapturados em uma área residencial do município.

Os detentos renderam o carcereiro por volta das 18 horas com facas e estiletes no momento em que o jantar era servido. Ele teve ferimentos leves nos braços e nas mãos. Equipes realizam buscas na região para encontrar os outros foragidos.

Sindicalista que denunciou corrupção é assassinado com seis tiros em SP


O sindicalista Sérgio Augusto Ramos, que denunciou um esquema de propina do Sindicato de Motoristas de São Paulo, foi assassinado com seis tiros nesta segunda-feira. O sindicalista chegou a registrar dois boletins de ocorrência contra o presidente do sindicato. Ele gravou um depoimento em vídeo dizendo que era ameaçado.

Na gravação, o sindicalista Sérgio Augusto Ramos denunciou o desvio de verbas no Sindicato de Motoristas e Cobradores de São Paulo. As denúncias eram de que a entidade cobrava propina para a contratação de planos de saúde. Logo começaram as ameaças.

O sindicalista sofreu uma emboscada nesta segunda-feira na porta de uma garagem de ônibus na Zona Sul da capital. Dois homens chegaram de moto. Sérgio tentou fugir, mas foi atingido por seis tiros. Testemunhas viram o crime.

“Eu disse para o Sério correr, mas o cara já tinha alvejado ele. Não deu para correr”, conta uma testemunha. Para o promotor responsável pela investigação do esquema de propina, outras testemunhas correm risco.

“Testemunhas vêm sendo ameaçadas, testemunhas já morreram. Há desvio de dinheiro público, de forma que o caso é da maior gravidade possível e vai merecer do Estado uma resposta à altura”, diz o promotor.

A garagem em Boi Mirim, em São Paulo, onde Sérgio foi assassinado, os motoristas da empresa Vip pararam de trabalhar por volta da meia-noite. Eles vão acompanhar o enterro de Sérgio Augusto Ramos. A garagem tem 251 ônibus, mas tem outra garagem parada na Zona Sul. No total, são quase 500 ônibus parados. Os motoristas estão revoltados com a morte do colega.

Para a direção do sindicato dos motoristas, Sérgio pode ter sido assassinado por um companheiro de garagem, com quem ele teria brigado.

Diretor de sindicato dos motoristas é morto a tiros

O diretor de base do Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano de São Paulo, Sérgio Augusto Ramos foi assassinado ontem.

O crime aconteceu em frente à garagem da Viação VIP, na estrada do M Boi Mirim (zona sul de SP).

Segundo a polícia, por volta das 5h30, ele distribuía jornais sindicais com outro sindicalista em frente à garagem quando dois homens chegaram em uma moto, dispararam seis tiros e fugiram em seguida.

Ramos foi socorrido e levado ao Hospital Geral de Itapecerica da Serra (Grande SP), mas não resistiu aos ferimentos.

Homem pelado é detido pela polícia praia do Centro

Uma situação inusitada ocorreu na manhã de segunda-feira 25/10, na Praia do Centro em Caraguatatuba.

Um homem caminhava nu pela orla marítima, quando foi surpreendido e detido pela polícia militar.

O homem foi levado para o Hospital Stella Maris, e segundo a polícia, o homem tem problema psicológico.

Policia Civil fecha desmanche clandestino no Perequê-Mirim


A POLICIA CIVIL DE CARAGUATATUBA DESCOBRIU NO BAIRRO PEREQUE MIRIM UM DESMANCHE CLANDESTINO SITUADO NA RUA ORLANDO DE SOUZA SANTOS, Nº 198.

NO LOCAL FORAM LOCALIZADOS CINCO CARROS DE PROCEDENCIA DUVIDOSA, POIS ESTAVAM CONSTANDO COMO FINANCIADOS NO SISTEMA, ALEM DE SEIS MOTORES, CAMBIOS E PEDAÇOS DE CARROS COMO PORTAS JANELAS PARA-CHOQUES.

AINDA FOI LOCALIZADO NO LOCAL UM CAMBIO, UM CAPO E A PLACA DE UM VEÍCULO CHEVETT FURTADO NA CIDADE DE JACAREÍ, E EM UM VEÍCULO MONZA A PLACA DE UM KADET.

FORAM PRESOS O PESCADOR, R.C.R DE 34 ANOS, QUE AJUDAVA A DESMONTAR UM CARRO, E O AJUDANTE DE MECÂNICO J.B.C. DE 29 ANOS, QUE AUXILIAVA O COMPARSA.

AMBOS FICARAM PRESOS EM FLAGRANTE POR RECEPTAÇÃO.

O PROPRIETÁRIO DO LOCAL NÃO FOILOCALIZADO, E SEGUNDO A POLICIA O COMÉRCIO NÃO POSSUIA NENHUMA DOCUMENTAÇÃO COMO (ALVARA, AUTORIZAÇÃO DO DETRAN, REGISTRO DE FUNCIONÁRIO).

A FACHADA DO LOCAL ERA DE FERRO VELHO, PROVAVELMENTE PARA NÃO CHAMAR A ATENÇÃO DA POLICIA.

Homem é preso após abusar de criança de 3 anos

O autônomo C.M de 31 anos, foi preso por volta das 18:00 da ultima sexta-feira 22/10, após abusar da filha de uma amigo de apenas 3 anos de idade.

Os policiais militares Uchoa e Guilherme, foram acionados para comparecer na Travessa São Judas Tadeu no bairro Morro do Algodão, onde teria ocorrido o abuso.

Segundo a mãe da criança, o acusado por ser da mesma cidade de seu marido e amigos por muitos anos, foi retirado das ruas pelo casal pois estava vagando no mundo.

A criança contou a mãe que o acusado havia introduzido o dedo em seu órgão genital, fato este que o homem confessou aos militares.

Conduzido à delegacia, o suspeito foi indiciado e preso por estupro.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Guardador de carros é detido após desobedecer a abordagem policial

O guardador de carros A.S.S de 27 anos, acabou detido e conduzido à delegacia, após desobedecer a abordagem policiail e resistir à prisão.

Os policiais militares Sd. Valdicéia e Igor, patrulhavam pela Avenida Arthur Costa Filho no Centro, quando depararam com o rapaz importunando motoristas e exigindo dinheiro.

Ao ser abordado, o guardador estava com uma marmitex nas mãos, e não obedeceu a ordem de colocar as mãos na cabeça para que fosse revistado, e disse que pagou a marmitex com seu dinheiro, e que não iria colocar as mãos em lugar nenhum, pois os policiais eram folgados.

O rapaz resistiu a prisão, sendo necessário o uso da força física moderada para conte-lo.

Conduzido à delegacia, foi contatado que ele possui 6 passagens pela policia, entre elas assalto, porte de drogas e formação de quadrilha.

Foi registrada a ocorrência de desobediência e resistência, após o registro o acusado foi liberado para responder em liberdade.

Três são assassinados em Guarulhos

Três homens foram assassinados a tiros na noite de domingo em Guarulhos, região metropolitana de São Paulo, em locais diversos segundo informações da Polícia Civil.

Lucinaldo Ferreira da Silva, que não teve a idade divulgada, foi encontrado ferido com vários tiros na cabeça na Rua José Moreira Pinto, nº 46, no bairro Ponte Alta, e morreu enquanto recebia atendimento de urgência. O caso foi registrado no 7º Distrito Policial, pelo delegado Danilo Leme.

No bairro Lavras, na Avenida José Brumal, nº 1.567, Valtônio Ferreira da Costa Filho também foi encontrado com vários tiros na cabeça e morreu no local. O caso foi encaminhado ao 7º Distrito Policial.

Outra vítima de assassinato foi Cícero Alves de Oliveira, ferido a tiros no pescoço e no peito na Rua Barro Duro, nº 19, no Jardim Rodolfo. Ele morreu enquanto era socorrido e o crime foi registrado no 4º Distrito Policial da cidade, pelo delegado Jorge Luis Pinheiro Filho.

Adolescentes tentam assaltar loja e um deles acaba morto

Dois menores tentaram assaltar uma loja de artigos femininos na Zona Noroeste de Santos, mas um deles acabou morto em confronto com a polícia. O outro foi detido.

O episódio ocorreu na noite de sábado, quando a dupla entrou na Atual Modas, que fica na Rua Manoel Ferreira Júnior, 842, no Jardim Castelo. Eles chegaram de bicicleta e um deles estava armado.

Passando perto da loja, o policial Alberto foi acionado por populares e entrou no estabelecimento, quando viu um dos garotos apontando a arma contra as clientes.

A dupla já tinha levado dinheiro de clientes e alguns objetos. O policial atirou e acertou o rapaz, que foi socorrido e levado para o Hospital Arthur Domingues Pinto, na Zona Noroeste. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

A arma usada por um dos menores foi um revólver Taurus, calibre 38, com numeração raspada, usada na tentativa de roubo. Já o policial usou uma pistola ponto 40, que também foi encaminhada para exame.

Moto some de delegacia na zona sul

"Ninguém sabe, ninguém viu." Essa tem sido uma das respostas mais ouvidas pelo pedreiro Jurandi Chagas de Araújo, 47, quando ele vai a uma delegacia da Polícia Civil de São Paulo, na zona sul da capital, para tentar recuperar sua moto que estava apreendida no local e sumiu.

Desde o dia 8 deste mês, nenhum dos 50 funcionários do 92º DP (Parque Santo Antonio) sabe responder o que aconteceu com a moto preta, 125 cilindradas, ano 2006, de Araújo, cujo valor não ultrapassa R$ 4.000. Até o sumiço da moto ter sido detectado, ela estava no pátio do 92º DP, sob custódia da Polícia Civil, após ser apreendida pela PM na noite do dia 4.

A moto foi apreendida com Francisco Marciano Freire de Araújo, 19 anos, filho do pedreiro detido porque, segundo os PMs, carregava duas munições calibre 22.

Francisco Araújo estava com a moto do pai quando foi preso ao lado de dois adolescentes --um de 17 e outro de 16 anos. Os PMs disseram ter encontrado duas munições calibre 22 com Francisco.

O jovem de 17 anos, na versão dos PMs, estava com um revólver calibre 22 e o terceiro jovem, com uma réplica de arma. Os três, segundo o registro, planejavam um roubo.

"A documentação de entrega do motociclo foi providenciada, contudo, ao se verificar no pátio, constatou-se que foi subtraído" é o que está escrito no registro do furto.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Homens armados roubam joalheria em Ilhabela

Cinco homens armados roubaram uma joalheria, nesta madrugada, em Ilhabela. Segundo a polícia, a quadrilha atracou o barco no pier, rendeu alguns pescadores e os vigias da loja e fugiram de barco levando joias e outras mercadorias. Até o momento, ninguém foi preso.

Acusado de violentar menina de 11 anos em Taubaté confessa crime

A polícia investiga o estupro de uma menina de apenas 11 anos, em Taubaté. Um homem de 25 anos, que era conhecido da adolescente, foi preso. Segundo a Polícia Militar, ele confessou o crime.

Eram 20h de quarta-feira (20) quando a menina de 11 anos saiu de casa, no bairro Baronesa, dizendo que iria visitar a avó materna. Como ela não chegou até o local, os parentes desconfiaram e chamaram a polícia. Duas horas depois, quando a PM estava registrando a ocorrência com a família, a adolescente voltou para casa dizendo que havia sido violentada.

"Ela contou quem foi o autor do abuso, e a viatura, com o apoio de demais viaturas, foi até o local, e localizou o autor. Ele confessou a situação do abuso sexual", conta a Capitão Andréa Figueiredo.

Segundo a polícia, o acusado tem 25 anos e é vizinho de uma tia da menina. Ele teria conhecido a adolescente há uma semana e marcado o encontro por telefone. O rapaz foi preso em flagrante e deve ser indiciado por estupro contra vulnerável, já que a vítima tem menos de 14 anos. A pena para esse crime pode chegar a 15 anos.

A menina foi medicada, mas já recebeu alta e está sob os cuidados da família. "A gente não sabe o que está acontecendo com os filhos da gente, por mais que a gente ache que saiba. A gente não está o tempo todo com eles, como deveria estar. Porque a gente vai em busca de outras coisas, e esquece que a gente precisa estar presente, no dia a dia", desabafou a mãe da vítima.

Segundo a polícia, a menina passou por um exame no hospital que comprovou que ela manteve relações sexuais.

Polícia de Ribeirão Preto (SP) ganha "Caveirão"; é o 1º blindado tático do Estado

A Polícia Civil de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo) deve ser a primeira do Estado a ter um "Caveirão". O "blindado tático", conforme definição da polícia, foi doado há mais de um ano pela empresa Brinks à prefeitura, que o reformou para doá-lo à Polícia Civil.

A Delegacia Seccional diz que não há demanda imediata para o uso do blindado na região, mas é preciso que a polícia esteja sempre à frente dos criminosos.

O ex-secretário nacional de Segurança Pública José Vicente da Silva Filho afirma que não vê sentido na doação de um veículo blindado para a Polícia Civil.

"Em primeiro lugar não é função da Polícia Civil fazer esse trabalho ostensivo. Cabe a ela investigar os crimes. Em segundo, não acredito que a região tenha um histórico que justifique o uso deste tipo de veículo."

Na última estatística da SSP (Secretaria da Segurança Pública), foi identificado um aumento de 8% no tráfico de drogas na região, mas latrocínios e crimes contra o patrimônio tiveram queda.

O blindado passou por adaptações que custaram R$ 54 mil e o transformaram num veículo semelhante ao usado pela Polícia Militar do Rio de Janeiro. O serviço foi realizado pela empresa Mib Blindados e R$ 50 mil saíram de emendas propostas pelo vereador Samuel Zanferdini (PMDB), que é delegado.

Na última terça-feira os últimos documentos referentes à doação foram entregues e serão encaminhados à SSP.

Polícia encontra casal morto em canal de esgoto de Itanhaém

Uma denúncia anônima na madrugada desta sexta-feira fez com que a polícia de Itanhaém, no Litoral Sul, encontrasse em uma vala, na periferia da Cidade, um casal morto com perfurações provenientes de disparos de arma de fogo. As vítimas não portavam documentos, mas são jovens e aparentam ter um pouco mais de 20 anos. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande.

Segundo informações da Polícia Civil da Cidade, o Centro de Operações recebeu a informação de que dois cadáveres haviam sido jogados em um canal na Rua João Andrade Júnior, no bairro Jardim Oásis. Equipes foram deslocadas até o local e encontraram os corpos submersos em um canal de esgoto aberto.

A perícia criminal e a equipe da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) foram acionadas para acompanhar a ocorrência. Em um primeiro momento, não foi possível identificar o nome das vítimas, nem a procedência delas, já que não havia forma de fazê-lo. Segundo o IML, os dois são jovens, a mulher tem pele parda e o homem, branca.

O caso foi registrado no plantão da Delegacia Seccional da Cidade, mas será investigado pela DIG.

Assalto a hipermercado resulta em um bandido morto e 3 presos

Um assalto, que durou cerca de 40 minutos, à loja do hipermercado Carrefour localizada na esquina entre as avenidas Salim Farah Maluf e Celso Garcia, na região do Tatuapé, zona leste de São Paulo, deixou, no final da noite de quinta-feira, um saldo de um bandido morto e três presos.

Um pouco depois das 23 horas, armados de submetralhadoras, revólveres e espingardas calibre 12, cerca de 15 homens, alguns de touca ninja e quatro usando máscaras idênticas ao do filme "Pânico", após agredir a coronhadas o porteiro, teriam entrado a pé no estabelecimento segundo relato de um funcionário do posto de combustível do próprio hipermercado, que já havia fechado para o público.

Cerca de 30 funcionários ainda estavam dentro da loja e foram rendidos, a maioria próximo aos caixas. Boa parte deles já estava fechado, levando a quadrilha a exigir o dinheiro do cofre que não chegou a ser aberto. Obrigadas a deitar no chão e jogar os celulares em direção aos bandidos, as vítimas assistiram aos assaltantes chutarem e pisarem nos aparelhos. A tranquilidade era tanta que alguns deles foram até setor de bebidas e lá tomaram uma mistura de uísque com energético.

Um tiro foi ouvido dentro da loja. Acredita-se que o disparo tenha sido contra o cofre na tentativa de abrir o compartimento. Uma funcionária conseguiu se trancar no banheiro e outros dois no setor de recebimento, de onde ligaram para o 190. Rapidamente PMs do 8º, 21 e 51º batalhões, com apoio do helicóptero Águia, chegaram ao local. A quadrilha, que se comunicava via radiotransmissor, teve de deixar às pressas o estabelecimento, mas parte da quadrilha ainda não havia deixado o prédio quando a PM encostou.

Na fuga, já fora do hipermercado, os criminosos trocaram tiros com os policiais, que cercavam o prédio. Um dos criminosos foi baleado e morreu no hospital. Outros três foram presos. Com o quarteto, os policiais apreenderam R$ 1.460,00, trinta celulares - a maioria das vítimas, três revólveres calibre 38, dez máquinas fotográficas e uma filmadora - do mercado, dois coletes balísticos, uma submetralhadora e uma espingarda. Os demais bandidos conseguiram escapar. O caso foi encaminhado ao 10º Distrito Policia, da Penha.

Filho de Roberto Carlos revela detalhes do assalto em Guarujá

O empresário e radialista Roberto Carlos Braga II, de 41 anos, filho do cantor Roberto Carlos, e a sua mulher, a advogada Valeska de Souza, de 30, compareceram na tarde de quinta-feira à Delegacia de Guarujá para reconhecer um suspeito de ter invadido e assaltado a casa de veraneio do casal, na Praia de Pernambuco. Mais conhecido por Dudu Braga, o filho do Rei Roberto Carlos permaneceu até as 20 horas na delegacia.

Capturado no início da tarde, o suspeito não foi reconhecido, porém, ficou encarcerado porque possuía duas armas de fogo e ainda é foragido da Penitenciária II de Hortolândia. Dudu e Valeska relembraram a ação dos dois homens que os roubaram. "Dentro do que se pode falar, foram muito respeitosos. Eles foram bem claros que apenas nos roubariam, se não houvesse reação", detalhou o empresário. O casal não sofreu violência física, mas admitiu que os marginais o amarrou na hora da fuga.

Um fio de microfone foi utilizado para imobilizar Dudu Braga, Valeska e o caseiro do imóvel. A mulher do caseiro também estava na residência de veraneio, mas os ladrões não a amarraram. Levaram apenas a bateria do seu celular para que não pudesse acionar a polícia imediatamente. Outros telefones foram roubados.

A empregada foi a primeira vítima a ser rendida. Ela estava na lavanderia, quando os criminosos a dominaram após pularem um muro. Descritos como sendo um alto e o outro baixo, os marginais exigiram que ela os levasse até os fundos do imóvel, onde fica a moradia dos caseiros. Na sequência, o marido da funcionária foi dominado. Posteriormente, a dupla entrou na parte principal da casa de temporada. Dudu Braga e Valeska estavam na suíte do casal e foram rendidos por último.

Dudu Braga é baterista e lamentou o roubo de quatro pratos desse instrumento das marcas Zildjian, Kashmir e Octagon. Dois talões de cheque, cartão bancário, vários documentos, dois celulares, dois aparelhos de rádio Nextel, diversas roupas e alguns equipamentos eletrônicos também foram levados.

O assalto ocorreu por volta das 22h30 do último dia 9 e durou pouco menos de uma hora. O ladrão alto estava com o rosto encoberto por uma touca e o seu comparsa portava arma de fogo. O roubo só foi comunicado à Polícia Civil dois dias depois, no 89º DP de São Paulo (Portal do Morumbi).

Polícia Militar prende dupla acusada de hackear sistema do Nota Fiscal Paulista

Dois homens foram presos enquanto hackeavam o sistema da Nota Fiscal Paulista em uma lan house do Jardim Aurora, na Zona Leste de São Paulo, nesta quinta-feira. Segundo a Polícia Militar, os suspeitos desviavam os valores acumulados pelo programa. A contabilidade inicial do montante interceptado pelos criminosos mostra que eram desviados ao menos R$ 53 mil por semana.

A PM foi chamada ao local em razão da atitude suspeita dos hackers. Ao abordar os dois suspeitos, a polícia encontrou um caderno preenchido com nomes, endereços e números de RG e CPF de várias pessoas.

Segundo o tenente José Cílio, os criminosos possuíam uma senha mestra do sistema da Nota Fiscal Paulista. "Com essa senha eles pegavam os valores [da nota fiscal] das contas de diversos contribuintes e depositavam na conta de um terceiro", diz Cílio.

A polícia acredita que os homens tenham chegado aos números de CPF por meio de um estabelecimento comercial de Guaianazes, também na Zona Leste da capital paulista.

Os dois hackers, um de 25 e outro de 33 anos, deverão responder por por furto qualificado. Apenas um deles tinha passagem pela polícia por roubo a uma bilheteria do Metrô.

Homem é preso após roubar computador de hospital

Um homem de 34 anos foi preso nesta quinta-feira em Campinas, no interior de São Paulo, após se passar por paciente e levar um computador de dentro do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Segundo o hospital, o suspeito disse que aguardava um tratamento para hepatite C.

O ladrão colocou o equipamento dentro de um saco sanitário e saiu do local, mas uma funcionária do hospital desconfiou e chamou a segurança. Ele foi preso dentro de um ônibus enquanto se dirigia a outra cidade. O computador foi recuperado.

Não há registro do suspeito no HC da Unicamp. De acordo com a polícia, o homem tem histórico criminal por furto, tráfico e receptação de drogas.

Justiça abre processos contra suspeitos de participar de esquema de fraudes em concursos

A Justiça Federal abriu oito processos contra 64 pessoas acusadas de participar de um esquema de fraude ao concurso de agente da Polícia Federal (PF), realizado em 13 de setembro de 2009. A denúncia faz parte das investigações da Operação Tormenta, que investiga uma quadrilha que há anos fraudava diferentes concursos públicos.

Segundo a Procuradoria da República de São Paulo, o grupo é o mesmo que fraudou o exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do ano passado. Além das 11 pessoas que lideravam o esquema, o Ministério Público Federal (MPF) denunciou ainda 53 pessoas, todos candidatos que se beneficiaram dos gabaritos vendidos pela quadrilha por valores que oscilam de R$ 10 mil a R$ 100 mil.

Desse total, 23 são "homens da lei". Entre os beneficiados, há 12 servidores da Polícia Civil de São Paulo, nove advogados, um policial militar e um oficial de promotoria.

A maioria dos beneficiários é da Baixada Santista e da capital paulista, mas há candidatos do interior do Estado e do Rio de Janeiro. Todos os réus responderão também pelo crime de estelionato contra a União, pela prática de fraude para aprovação no concurso. Os 53 candidatos beneficiados pelo esquema responderão também pelo crime de receptação.

Genro suspeito de matar casal foi ferido

O genro suspeito de ter matado um casal de idosos na casa deles, em um condomínio de Santana de Parnaíba (Grande SP), no último dia 2, tinha marcas de agressão pelo corpo no dia do crime, de acordo com a Polícia Civil.

Segundo testemunhas, que prestaram depoimentos sobre o caso, Willian Souza, 33 anos, e Roberta Tafner, filha do casal, também podem ter limpado o local do assassinato e tinham orientado pessoas a queimarem objetos relacionados com a morte dos idosos.

"Ele estava com partes do corpo arranhado após o assassinato", diz o delegado Zacarias Katzer Tadros, do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) de Santana de Paranaíba. Ele diz que os ferimentos estavam localizados no pescoço e nos ombros do genro do casal.

Policiais são atacados a tiros na zona leste

Seis policiais militares foram atacados a tiros na madrugada de ontem, em Itaquera (zona leste de SP). Ninguém ficou ferido.

Segundo a polícia, os PMs revistavam o desempregado Maycon Richard Garcia, 18 anos, e um adolescente de 17 (seus advogados não foram localizados). Eles saíam de um Fox vermelho roubado na rua Jardim Tamoio quando foram abordados.

Enquanto averiguavam os dois, um Celta verde passou pela rua e o passageiro atirou várias vezes contra os policiais e contra o carro da polícia. Apesar dos tiros, ninguém se feriu.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Mãe que matou agressor do filho é inocentada em São Carlos

O Tribunal do Júri de São Carlos (232 km de São Paulo) absolveu anteontem, pela segunda vez, uma mulher que matou um adolescente que teria estuprado seu filho de três anos. A Promotoria não pode mais recorrer da sentença.

Segundo a decisão do júri, tomada após 11 horas, ela foi absolvida por ter praticado o crime em defesa do filho. Foram quatro votos a zero. Como a maioria decidiu pela absolvição outros três jurados não chegaram a votar.

O advogado da mulher, Helder Clay Biz, disse que durante o júri cinco testemunhas de acusação e apenas uma de defesa foram ouvidas. O depoimento da acusada durou 40 minutos.

"Não mudamos em nada a estratégia usada no último júri. Sabíamos que o fato de ela ter feito justiça com as próprias mãos poderia atrapalhar, mas agora é definitivo", afirmou o advogado.

O crime ocorreu em 7 de fevereiro de 2006. A dona de casa matou Robson Xavier de Andrade, 15, com uma faca de cozinha.

A mulher já havia sido absolvida por um júri em 14 de novembro de 2006, depois de oito horas e meia de julgamento. Na época, foram cinco votos a favor da absolvição e dois contra.

O promotor Marcelo Mizzuno recorreu da decisão do júri, alegando que ela foi contrária às provas apresentadas durante o julgamento. No começo deste ano, a decisão foi anulada pelo Tribunal de Justiça.

O promotor,por meio de um secretário,disse que não comentaria o resultado do júri.

Segundo Biz, a mulher deixou o Fórum acompanhada dos cinco filhos e do marido e pretende retomar sua rotina após ser inocentada.

Em 7 de fevereiro de 2006, o marido da mulher acusada de matar Robson Xavier de Andrade, 15, flagrou o jovem violentando sexualmente o filho do casal de três anos num bambuzal, perto da casa deles, na zona rural do distrito de Santa Eudóxia.

O casal, o pai do acusado e o adolescente foram levados de carro à Delegacia de Defesa da Mulher de São Carlos para que fosse registrado um boletim de ocorrência.

O adolescente estava sentado ao lado de seu pai na delegacia quando levou a facada no pescoço. A arma do crime estava escondida na blusa da mãe da criança.

Tamoios será interditada nesta manhã para explodir rocha

rodovia dos Tamoios vai ficar interditada a partir das 11h, no km 18, em Jambeiro. O DER vai implodir uma rocha.

Serão 45 minutos de interdição e depois a pista será liberada parcialmente com a operação pare e siga.

Ontem, a rodovia ficou interditada por outro motivo: uma peça de 152 toneladas que era levada para a refinaria da Petrobras em Paulínia, caiu duas vezes na pista. Primeiro no km 72 e depois três quilômetros à frente.

A carreta só foi retirada no início da madrugada e as pistas estão liberadas neste trecho.

Polícia investiga execução de foragido da justiça em Cubatão

O pedreiro Manuel Félix da Silva Filho, de 42 anos, foi morto com nove tiros de arma de fogo no final da noite desta quarta-feira, em Cubatão. Ele era foragido do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Mongaguá, onde cumpriria pena por homicídio até 2016. Existe a suspeita de que o crime tenha sido motivado por um acerto de contas, segundo a polícia. O homicídio ocorreu em frente a um bar por um homem não identificado.

Por volta das 23 horas, oficiais da Polícia Militar foram deslocados até o Caminho Danilo Ferreira, localizado no Morro do Índio, para atender a uma ocorrência de homicídio. No local, já estavam equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que constataram o óbito do pedreiro. Ele foi encontrado caído em frente ao estabelecimento com perfurações nas costas, braço e perna.

A Polícia Civil foi acionada e a perícia criminal também. As circunstâncias do crime ainda não foram esclarecidas, mas acredita-se que o homem tenha sido vítima de uma execução sumária, já que nada foi roubado. Populares disseram que não perceberam movimentação suspeita ou algum princípio de confusão.

Na Delegacia, descobriu-se que Silva, que é natural de Pernambuco, era foragido desde o começo do ano do CPP Doutor Rubens Aleixo Sendin, no Litoral Sul. Ele tinha mais seis anos de reclusão. O caso foi registrado na Delegacia Sede da Cidade e será acompanhado pela investigação da Polícia Civil.

Grupo é preso após assaltar casa de ex-patrão em São Paulo

O ex-funcionário de um açougue foi preso na quarta-feira com dois comparsas, após assaltar a casa do ex-patrão, em Guaianases, zona leste de São Paulo. Segundo a vítima, o rapaz de 30 anos ficou insatisfeito com a demissão e havia feito ameaças. Com o trio, a polícia recuperou bolsas e celulares roubados. Um quarto assaltante fugiu com uma pistola nas mãos.

A quadrilha chegou em um Gol branco por volta das 21 horas à casa do comerciante de carnes e aproveitou a chegada da família para rendê-la. Segundo as vítimas, os ladrões logo perguntaram quem era o dono do açougue e invadiram a residência e uma clínica de podologia vizinha, pertencente à mesma família, que foi feita refém na cozinha. Eles roubaram bolsas, celulares, dinheiro e cheques.

Após a fuga, o dono do açougue pegou seu veículo e perseguiu os criminosos, enquanto falava com a polícia. Na Rua Rossini Pinto, a quadrilha foi interceptada por uma viatura. O ex-funcionário Pedro Luis Souza Oliveira e seus comparsas Walter José Ferreira, 25 anos, e Fernando Silva de Jesus, de 19, acabaram presos em flagrantes e encaminhados ao 63º Distrito Policial, na Vila Jacuí.

Segundo a mulher do dono do açougue, Pedro faltava com frequência ao trabalho e acabou demitido há um mês, após seis meses de emprego. Walter era procurado por roubo e Fernando estava em liberdade condicional após ser condenado também por roubo, segundo a polícia.

Funcionários de Ciretran de Peruíbe são denunciados por fraude

O Ministério Público (MP) do Estado de São Paulo pediu à Justiça a prisão preventiva do delegado responsável pela 305ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Peruíbe, Bruno Jacintho de Almeida Júnior, e da funcionária do órgão Cláudia Maria Gavazzi. Eles são acusados de fraudar o sistema de registro de pontuação de multas de trânsito em troca de vantagens pessoais. Os dois são acusados de formação de quadrilha, falsidade ideológica e inserção de dados falsos em sistema de informações. O esquema beneficiaria motoristas de Praia Grande.

Segundo a denúncia, a funcionária da Ciretran utilizava a senha pessoal e intransferível do delegado de Polícia para transferir para o seu nome a pontuação relativa a motoristas autuados por infrações de trânsito. Em seguida, excluía a pontuação para que sua carteira nacional de habilitação não tivesse nenhum ponto registrado. A fraude, praticada diariamente, foi descoberta pela Unidade de Inteligência Policial do Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

Grande parte dos veículos multados e dos condutores beneficiados com a fraude sequer era de Peruíbe. A funcionária denunciada jamais poderia transferir pontos de veículos com origem em outras circunscrições de trânsito.

Ainda segundo a denúncia, o esquema fraudulento era intermediado por um despachante do Litoral e permitiu o recebimento de vantagens indevidas pela funcionária da Ciretran e pelo delegado, que tinha conhecimento da utilização irregular de sua senha.

Bandidos levam até o carro da vítima em saidinha de banco

O aposentado João Luiz Pereira, de 51 anos, foi vítima de uma saidinha de banco nesta terça-feira, em Santos. Além de ficar sem o dinheiro que havia sacado em uma agência bancária, teve o carro levado pela dupla que o abordou.

O roubo aconteceu por volta das 15 horas. Além dos dois homens, é provável que pelo mais um marginal tenha participado do assalto, revelando aos comparsas detalhes da retirada bancária.

A vítima sacou R$ 5 mil da agência do Banco do Brasil da Avenida Pedro Lessa, na Aparecida. Depois, quando conduzia seu Citroën C4 Pallas prata, de placa EFT-9579, foi abordado por dois assaltantes após ingressar na Avenida Almirante Cochrane (Canal 5), na pista sentido cais.

Os ladrões estavam em uma moto e emparelharam o veículo ao C4 Pallas. O marginal da garupa sacou um revólver, ordenando que João Luiz descesse do automóvel e desse o envelope com o dinheiro. Além dos R$ 5 mil sacados da agência, a dupla roubou o relógio de pulso do aposentado, da marca Ferrari, e o carro.

A polícia não tem pistas dos assaltantes. Segundo a vítima, eles usavam capacete, o que dificultou a descrição dos bandidos.

Polícia prende casal de foragidos após atender pedido de socorro em Minas

A Polícia Militar (PM) prendeu um casal de foragidos na madrugada desta quarta-feira em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Policiais teriam sido chamados para atender a uma pessoa ferida por uma facada durante uma briga. Ao chegar ao local, a PM encontrou um casal, que teria se desentendido, de acordo com a PM.

O casal foi preso em flagrante e autuado na 4ª Delegacia de Polícia depois que a polícia descobriu que a mulher, de 29 anos, tinha um mandado de prisão aberto por roubo e o homem, de 28, era procurado por suspeita de tráfico de drogas. Segundo a PM, os filhos do casal serão encaminhados pelo Conselho Tutelar para um abrigo.

Genro e filha suspeitos de matar por herança

Os suspeitos de terem assassinado a facadas um casal de idosos em um condomínio na cidade de Santana de Parnaíba (Grande SP), no início de outubro, no último dia 2, são o genro William Sousa, 33 anos, e a filha deles Roberta Tafner.

De acordo com a investigação da polícia, o assassinato pode ter sido cometido por brigas e discussões relacionadas ao dinheiro e aos bens do empresário Wilson Roberto Tafner, 68 anos, e da advogada Maria Nogueira Cobra, 60 anos, pais de Roberta.

"Nós temos evidências contra o William, e a Roberta [filha] tinha algumas indisposições com os pais", diz Zacarias Katzer Tadros, responsável pelo setor de homicídios de Santana do Parnaíba e também encarregado de esclarecer o assassinato do casal de idosos no município.

Universitária de SP é morta no Rio

A universitária paulista Jéssica Philipp Giusti, 21 anos, foi encontrada morta com ferimentos no rosto e na cabeça, na manhã da última segunda-feira, próximo a um matagal à beira de uma avenida na cidade de Três Rios (121 km do Rio). O corpo da jovem foi levado para São Paulo e foi velado ontem, em Piracicaba (160 km de SP).

Peritos afirmaram que o corpo da estudante não tinha marcas de abuso sexual.

Familiares da vítima disseram que a estudante saiu de Piracicaba na noite de domingo e disse para a mãe que ligaria para avisar que chegou bem no Rio.

Jéssica seguiu de ônibus até a rodoviária da cidade de Três Rios, por onde passou por volta das 4h50 de segunda-feira, com uma mochila e uma mala com seus pertences. Quando tentava pegar outra condução,em um local pouco movimentado, a universitária foi assassinada.

Nascida e criada em Piracicaba, a estudante fazia faculdade de direito na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro de Três Rios.

De acordo com a Polícia Civil, a jovem apresentava um corte profundo na cabeça. A polícia ainda não tem pistas do assassino e analisaria ontem imagens de câmeras de segurança da região.

DNA mostra que filho de Eliza é de Bruno

Um exame de DNA confirmou que o ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes é o pai do filho de Eliza Samudio, afirmou ontem o advogado José Arteiro Cavalcante Lima. Bruno está preso em Minas Gerais acusado de sequestrar e matar Eliza, a ex-amante. Lima representa a mãe de Eliza, Sonia de Moura.

"O exame foi feito quando Bruno estava preso em Bangu, no Rio. O laudo ainda está sendo formulado, mas já sei o resultado, e é positivo", diz. "Nem poderia ser outro [o resultado]. É a cara do pai", disse Lima, que afirma ter hospedado o bebê de oito meses durante cerca de uma semana em sua casa, em Minas.

Segundo o advogado, assim que o laudo for emitido, será pedido na Justiça o bloqueio dos bens de Bruno para garantir o pagamento da pensão alimentícia. O TJ do Rio não confirmou a informação.

A reportagem não conseguiu falar com Ércio Quaresma, advogado de Bruno. Durante a audiência de ontem, Bruno negou que o seu advogado tenha feito ameaças a ele, como disseram familiares do jogador.

Justiça deixa Mizael livre

A Justiça concedeu definitivamente o habeas corpus que mantinha livres, por meio de liminar, o advogado e PM aposentado Mizael Bispo de Souza, 40 anos, e o vigilante Evandro Bezerra Silva, 38 anos. Ambos são réus no processo em que são acusados de assassinar a advogada Mércia Nakashima, 28 anos, no último dia 23 de maio.

A decisão foi tomada ontem de manhã, após votação por dois votos a um dos desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo. A Promotoria afirma que vai recorrer.

O Ministério Público deve também fazer um novo pedido de prisão contra Mizael caso ele seja pronunciado (vá a júri).

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Carreta tomba de novo e Tamoios tem duas pistas interditadas em Caraguá

A Rodovia dos Tamoios vai ficar interditada até o fim da noite desta quarta-feira (20). A rodovia de ser liberada à meia-noite, segundo informou o Departamento de Estradas e Rodagens (DER).

Nesta madrugada de quarta, uma carreta que transportava uma peça de 152 toneladas tombou na região de Caraguatatuba. O veículo seguia do Porto de São Sebastião para a Paulínia, na região de Campinas.

Para o usuário de caminhões e veículos que for ao Litoral Norte a melhor opção é usar a Mogi- Bertioga. Já os motoristas de veículos, têm como alternativa a utilização da rodovia Oswaldo Cruz (ida e volta).

O trânsito no km 75 (trecho de serra da rodovia) ficou interditado várias vezes ao longo do dia para a retirada da carga da rodovia. O DER trabalha na expectativa de ajeitar na carreta as 237 toneladas de carga, com 40 metros de comprimento, 8 de largura e 7,84 m de altura até o final desta noite.

Por volta das 17h30 houve uma operação para tentar tirar a carreta da pista. Quatro quilômetros depois de voltar a andar, a carreta tombou novamente, na hora de fazer uma curva.

O Departamento de Estradas e Rodagem (DER) informa que nesta quinta-feira (21), às 11horas, haverá uma detonação de rochas no Km 18 da rodovia dos Tamoios. O trânsito ficará interditado nos dois sentidos da via por aproximadamente 45 minutos e depois funcionará no sistema de Pare e Siga por 3 horas, para a execução de serviços de remoção e limpeza da rodovia.

Transtorno na vida policial.

Desprende-se de grande parte da nossa sociedade os pensamentos errôneos de que todo policial é arbitrário e violento, irresponsável e ineficiente, corrupto e corruptível, covarde e delinqüente se comparando até ao seu próprio opositor, o bandido.

Tais pensamentos ilógicos e insensatos, além de emperrar uma real interatividade entre o povo e a sua Polícia ainda ferem de morte o brio do bom e verdadeiro policial que em verdade faz parte da grande maioria do contingente institucional em todas as Polícias do Brasil.

É bom que se frise que o policial é um funcionário público encarregado de prestar a segurança pública à sociedade e deve agir sempre de acordo com as normas. Quando ele comete algum abuso ou crime está sujeito à punição como qualquer outra pessoa do regime em vigor e até ainda com mais rigor devido a sua qualidade de guardião da Lei, pois ninguém está autorizado neste país a praticar excessos.

Já se foram os tempos em que os policiais frequentemente e facilmente se desvirtuavam das suas missões de bem proteger o povo, guardar a Lei e lutar pela ordem do país. Entretanto, não é isso que o povo vê e sente, muito pelo contrário, quando ocorre um deslize de um membro de qualquer instituição policial, logo a sociedade generaliza o malefício para todos os nossos componentes, colocando os fatos negativos como regra em toda a corporação ao invés de usá-los como exceção.
Assim, o bom policial, o digno e leal policial, aquele que veste a camisa da Polícia, aquele que verdadeiramente se veste completo de Polícia, paga perante o conceito depreciativo de parte substancial do nosso povo, pelos atos insanos do falso policial, do travestido de Polícia.

O malevolente pensamento arraigado no seio da sociedade brasileira, grudado feito sanguessuga a sugar o néctar da honradez do verdadeiro policial, é um dos motivos que também freia o nosso progresso, ou seja, tranca a evolução da polícia, pois aliados a tal conceituação depreciativa, assim muitos governantes não reconhecem o nosso real valor.

As políticas de segurança pública relacionadas principalmente à valoração profissional dos membros policiais sempre estão aquém das nossas expectativas. Com raras exceções de alguns Estados do país, assistimos de uma maneira ampla os nossos salários sendo sucateados e achatados, assistimos com tristeza os nossos policiais sempre desvalorizados e humilhados pelo poder público, assistimos com profundo pesar o povo tanto exigir da Polícia, massacrar as nossas ações, usar e descartar os nossos policiais e, assistimos enfim, a sociedade muitas vezes criticar por criticar a Polícia ao invés de apoiar a nossa luta pelo resgate da dignidade perdida ao longo dos anos, dignidade essa que por certo refletirá em uma melhor segurança pública para todos.

Poucos enxergam o policial como ser humano altivo, destemido, defensor, protetor, benfeitor e amigo. Não é nada fácil exercer a função policial neste país tão cheio de contradições que até os próprios Direitos Humanos, que em tese seriam para todas as pessoas, pouco nos alcançam. Os Direitos Humanos até mais valem para os marginais que ferem a ordem e rasgam as Leis do país do que para os policiais que as defendem e as guardam acima até das suas próprias vidas.

Mesmo assim, o bom e verdadeiro policial, apesar de todos os percalços na sua trajetória, dos transtornos da sua vivência, persiste e não desiste no fiel cumprimento do seu dever. Mesmo assim o digno e honrado policial mostra que acima de tudo faz parte de uma LEGIÃO DE FORTES IDEALISTAS que trabalha com amor à profissão e caminha ultrapassando muitas barreiras para servir essa própria sociedade que tanto o reprime.

(Delegado de Polícia no Estado de Sergipe. Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Segurança Pública). archimedes-marques@bol.com.br

Menor é detido após assaltar lan house, em Pindamonhangaba

Um menor de 15 anos assaltou uma lan house, no fim da tarde desta quarta-feira (20), no bairro Carangola em Pindamonhangaba. O menor usou uma arma de brinquedo e levou cinco reais e dois relógios de pulso.

No momento do assalto, havia duas pessoas no ponto comercial. Esta é a segunda passagem dele pela polícia. Agora, ele está no 4º DP de Taubaté esperando para ser apresentado ao promotor que vai decidir entre sua liberação ou seu recolhimento.

Motociclista não identificado mata a tiros comerciante em São Vicente

Uma comerciante de 37 anos foi morta com quatro tiros no final da noite desta terça-feira, em São Vicente. O crime aconteceu em frente ao bar o qual a vítima, identificada como Luiza Aparecida Moreira Borges, é proprietária, na favela do México 70, Vila Margarida. As circunstâncias e a motivação dos disparos ainda são desconhecidas pela Polícia Civil, que investiga o caso. Ninguém foi preso.

Às 21h52, o Centro de Operações da Polícia Militar foi acionado para atender a ocorrência de homicídio e possível roubo em um bar nas imediações da Rua do Canal, conhecida naquela região. Viaturas foram deslocadas até o local, assim como uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Ao chegarem, encontraram a vítima morta caída em frente ao estabelecimento.

Segundo consta no boletim de ocorrência registrado na Delegacia Sede, momentos antes do crime, Luiza foi chamada por um homem de capacete escuro montado em uma moto do lado de fora do bar. Quando se aproximou, ele sacou uma arma e disparou quatro vezes contra ela, que ficou ferida nas regiões da cabeça e do abdômen. O suspeito não foi identificado e fugiu sem deixar pistas.

Diante das circunstâncias, o caso será encaminhado ao setor de investigação do 3º Distrito Policial da Cidade, responsável pela área. O crime não foi enquadrado como latrocínio, roubo seguido de morte, já que nada foi levado do local.

Após reagir a assalto, homem de 37 anos quase morre ao ser atingido por dois disparos

Dois homens em uma moto tentaram matar a tiros um açougueiro de 37 anos depois que ele reagiu a um assalto. Os bandidos abordaram a vítima, que também conduzia uma moto, no momento em que ela chegava em casa, no bairro do Catiapoã, em São Vicente.

Os acusados fugiram sem levar nada. Ferido no abdômen, o homem foi levado ao Hospital Municipal da Cidade, onde passou por cirurgia durante a madrugada e segue internado.

Identificado como Renato Ferreira, a vítima estava na Rua João Roberto Robortella quando foi rendida por dois homens armados, de casacos e capacetes. Segundo o BO, um dos assaltantes estava de casaco branco e outro de cor preta. Eles queriam levar a moto da vítima, uma Honda CG Titã vermelha.

Renato se negou a entregar o veículo e chegou a discutir com os acusados. Dois tiros foram disparados contra ele, que foi atingido na região do abdômen. Vizinhos ouviram os estampidos e acionaram a polícia e uma ambulância do serviço de emergência.

A vítima foi encaminhada ao antigo Crei e passou por cirurgia. Seu quadro é considerado estável. Os dois envolvidos no crime fugiram sem deixar pistas e sem levar nada de Renato. O caso será investigado pela Polícia Civil da Cidade. A ocorrência foi registrada na Delegacia Sede.

Vítima de estelionato perde quase R$ 2 mil em Cubatão

Um aposentado de 59 anos perdeu quase R$ 2 mil em dinheiro e cartões de recarga de celular achando que estava ajudando um primo no Jardim 31 de Março, em Cubatão. Só depois ele percebeu que se tratava de um golpe.

A vítima contou à polícia que estava em casa quando uma pessoa ligou a cobrar alegando ser um primo. O golpista disse que estava chegando em sua residência quando seu veículo quebrou. Em seguida o marginal solicitou que o aposentado depositasse R$ 1,5 mil em dinheiro.

O idoso fez a transferência da quantia para uma conta corrente e também comprou R$ 400,00 em créditos de celular. Os códigos dos cartões foram repassados para o golpista.

O aposentado percebeu que se tratava de um golpe quando o marginal passou a pedir mais dinheiro e ele foi alertado por seu filho. O caso de estelionato foi registrado no 1º DP de Cubatão.

Família passa por momentos de terror durante assalto em Guarujá

Uma família foi feita refém em um imóvel na Enseada, em Guarujá, na madrugada desta terça-feira. Um adolescente de 17 anos, reconhecido como um dos participantes do roubo, foi preso horas depois.

O crime aconteceu por volta das 3h30 na Rua Veraneio. Uma das vítimas, um comerciante de 34 anos, escutou um barulho no quintal e quando foi averiguar, um suspeito armado anunciou o assalto.

Em seguida apareceram mais cinco pessoas, todas armadas e duas delas com capuzes. Dois acusados entraram em um quarto. O comerciante foi amarrado com fitas e colocado deitado na cama junto com os filhos. Sua mulher ficou sentada na capa.

Cerca de 20 minutos depois, após o bando revirar o imóvel, o grupo voltou ao quarto e mandou a mulher indicar onde estavam seus objetos para serem levados. Durante a ação um dos autores teria entrado algumas vezes no cômodo ameaçando estuprar a mulher e matar os filhos do comerciante.

O grupo fugiu levando documentos, três aparelhos de DVD, três televisões, dois monitores de LCD, dois videogames, uma caixa com diversas joias, dois telefones celulares e roupas. O Citröen Xsara Picasso prata, placas DIH-4431, da família também foi roubado.

Por volta do meio-dia, policiais detiveram um adolescente de 17 anos suspeito de ligação com o assalto. Ele foi pego no bairro Areião. Apesar de negar ligação com a ocorrência, ele foi reconhecido por foto pela vítima.

Suspeitos de tribunal do crime são presos

A Polícia Civil diz ter preso quatro pessoas, supostamente ligadas ao PCC (Primeiro Comando da Capital), que realizavam julgamentos ilícitos de membros acusados de traição à facção. Segundo o Deic (Departamento de Investigações sobre Crime Organizado), restos mortais de cinco homens foram achados há cerca de 60 dias em covas na mata fechada da região de Cidade Tiradentes (zona leste de SP). Um dos acusados está foragido.

Grupo não pôde falar
A polícia diz que ainda não identificou as vítimas,afirma que a prova de que havia o tribunal do crime é a confissão dos suspeitos.

Segundo o delegado Antônio Carlos Heib, do Deic, as vítimas eram julgadas perto das covas, de 1,5 metro de profundidade. Uma foi morta com golpes de picareta na testa e outra foi enforcada com um fio de varal de náilon. A suspeita é a de que cerca de 20 pessoas morreram.

Corpo de publicitário é achado em Arujá

O corpo do publicitário Maurício Dantas, 36 anos, que estava desaparecido desde sexta-feira, foi localizado ontem no IML (Instituto Médico Legal) de Guarulhos (Grande SP). O corpo, antes sem identificação, tinha sido encontrado em um terreno baldio em Arujá (Grande SP), no sábado.

Moradores de Arujá procuraram familiares de Dantas após tomarem conhecimento do caso por reportagens. A polícia diz ainda não saber o motivo do assassinato.

O último contato da família com Dantas havia ocorrido por volta das 15h de sexta-feira, quando ele ligou para a mulher e afirmou que dirigia pela avenida Radial Leste a caminho do Hospital das Clínicas, onde buscaria o irmão.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Polícia investiga assassinato de mulher de 50 anos em São José

A polícia investiga a morte de uma dona de casa em São José dos Campos. O principal suspeito é o companheiro dela, que teria se suicidado depois do crime.

A vítima de 50 anos foi morta na casa em que morava no distrito de Eugênio de Melo. O corpo foi encontrado na tarde desta segunda-feira depois que a filha chamou a Polícia Militar, porque a mãe não atendia ao telefone e nem a campanhia.

O crime chocou a vizinhança, pois ninguém notou nenhuma movimentação diferente na residência. O principal suspeito de ter cometido o crime é o companheiro da vítima. A polícia trabalha com a hipótese de que ele tenha se suicidado depois de espancar a mulher com quem se relacionava há três anos. O corpo dele foi encontrado na cidade de Cruzeiro.

Ainda segundo a polícia, a arma usada no suposto suicídio é a mesma furtada de uma agência bancária de São José dos Campos, onde o homem trabalhava como vigilante.

Mulher nega sexo e marido tenta anular casamento em Jacareí

Os desembargadores da 2ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) terão de decidir se um homem de Jacareí, tem direito a anular o casamento diante da recusa da mulher em manter relações sexuais com ele desde a noite de núpcias.

O caso está há um mês nas mãos do relator José Roberto Bedran e já recebeu parecer da Procuradoria Geral de Justiça, mas, de acordo com a assessoria do Tribunal de Justiça, não há prazo para que seja julgado.

O homem ingressou com o processo na primeira instância em 2009 e a sentença foi proferida no primeiro semestre deste ano.

"É espinhoso o debate acadêmico e jurisprudencial sobre se a negativa de relações sexuais constitui causa para anulação do casamento, como erro essencial quanto à pessoa ou apenas causa legal para separação ou divórcio motivados", disse o juiz Fernando Henrique Pinto, de primeira instância, que trata do processo. O magistrado lembrou vários casos já julgados em que a Justiça se posicionou de maneiras diferentes sobre o tema.

Antes de se manifestar, o magistrado sugeriu ao autor da ação que esclarecesse a forma de relacionamento entre o casal antes e até a data do casamento. Também quis saber se havia sexo antes das núpcias. "Confiro ao autor a oportunidade para esclarecer de que natureza foi e por quanto tempo ocorreu o eventual relacionamento das partes antes e até a data do casamento, e especificamente se as partes mantinham relações sexuais antes do matrimônio, por quanto tempo antes, e/ou se a recusa da requerida (mulher) bem como as alegações da mesma ocorriam antes do matrimônio."

O magistrado também sugeriu que o autor proponha, caso queira, a separação judicial.

O advogado do autor da ação não quis dar detalhes sobre o processo. A mulher não tem advogado. Caso seja derrotado em segunda instância, o homem poderá recorrer ainda aos tribunais superiores. Caso tenha sido casado em regime de comunhão parcial de bens, mesmo que consiga a anulação do casamento, ou a separação judicial, terá de dividir os bens acumulados durante o tempo de convívio com a esposa, de acordo com o presidente da comissão de direito da família da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em São Paulo, Nelson Sussumo Shikicima.

Segundo Shikicima, que fala em tese sobre o caso, geralmente para obter a anulação do casamento o autor da ação deve provar por perícia médica que a esposa tem uma doença chamada coitofobia. "Teria de ver primeiro se ela tem a doença e ele não sabia. Aí dá anulação. Tem de ver também se ele teve relação sexual antes do casamento com ela. Se teve antes, não tem como alegar essa ignorância", afirma. Nesse caso, em vez de anulação, a Justiça sugere a separação judicial.

De acordo com Shikicima, que tem 15 anos de experiência em direito de família, casos como este não são comuns. "Anulação hoje em dia ocorre muito pouco. Hoje em dia nos grandes centros ninguém é enganado mais. Normalmente as pessoas quando casam já fizeram sexo muitas vezes antes de se casar."

Bandidos fazem família refém, mas são presos pela polícia, em Caçapava

Três homens foram presos na noite desta segunda-feira (18), depois de um assalto a uma casa no bairro Santa Luzia em Caçapava. Segundo a polícia, eles fizeram cinco pessoas reféns, entre elas, uma criança de 3 anos.

Os bandidos levaram dinheiro, celular e relógios. Depois do crime, eles fugiram em um carro, mas foram abordados pela Polícia Militar, que conseguiu prendê-los. Com eles, a polícia encontrou duas armas, além dos objetos roubados.

Mulher de 33 anos é estuprada em São José dos Campos

Uma mulher de 33 anos foi estuprada em São José dos Campos na manhã de
segunda-feira (18). De acordo com a Polícia Militar, ela foi abordada por volta das 5h50 por um homem que dirigia um carro com placa de São José no ponto de ônibus da Rua Guadalupe, no bairro Jardim América, na região sul.

O agressor usou uma faca para que a vítima entrasse no veículo e a levou até um motel da cidade. A mulher foi abandonada nas proximidades da Santa Casa e conseguiu anotar a placa do carro do acusado.

A polícia foi acionada e encontrou o agressor, que estava em casa e acompanhou os policiais até a Delegacia de Defesa da Mulher. Os exames comprovaram que a vítima sofreu abuso sexual.

O acusado foi preso em flagrante e será levado ao Centro de Detenção Provisória da cidade. A mulher passa bem.

De acordo com a Polícia Civil, São José dos Campos registra cerca de cinco ocorrências de estupro por mês. Ou seja, desde o início do ano, cerca de 50 casos foram denunciados. Segundo o delegado, nem todas as ocorrências são comprovadas.

Segurança mata namorada a facadas e se mata com uma arma furtada

O segurança de uma agência bancária de São José dos Campos matou a namorada na tarde desta segunda-feira (18), durante uma briga. Segundo a polícia, ele cometeu o crime com uma faca.

A mulher, de 50 anos, chegou a ser socorrida no Hospital Municipal, mas não resistiu. Depois, o segurança foi para Cruzeiro, cidade onde morava, e se matou com uma arma furtada do banco.

Polícia investiga morte a tiros de comerciante do interior em Itanhaém

O comerciante Francisco Santamarco, de 52 anos, morador de Ribeirão Preto, foi encontrado morto com ferimentos a tiros no abdômen, na tarde desta segunda-feira, em Itanhaém. A vítima, proprietária de uma chácara na Cidade, estava caída em um dos cômodos do imóvel e foi achado por um amigo.

Os dois vieram passar a semana na região. A polícia encontrou, próximo ao corpo, uma pistola calibre 380 e, segundo apuração prévia, está registrada com o nome do amigo da vítima.

Às 15h15, após receberem a informação de que o comerciante havia sido morto, policiais militares encontraram o corpo na chácara, localizada na Rua Flácides Ferreira, onde ele costumava passar os finais de semana. Segundo apurado pela investigação, ele costumava vir com frequência à região e era conhecido pelos vizinhos.

Neste final de semana, um amigo, não identificado pela polícia, desceu a Serra junto com Francisco. Agora ele está sendo investigado como um dos suspeitos de ter cometido o crime, já que a pistola com cápsulas deflagradas, encontrada ao lado do comerciante morto, está registrada no nome dele. Em outros cômodos do imóvel, inclusive, existem sinais de vários outros disparos, o que evidencia a tentativa de fuga da vítima. No local nada foi roubado.

Devido às circunstâncias não esclarecidas, o caso foi encaminhado à Delegacia de Investigações Gerais da Cidade, para que os policiais possam determinar o verdadeiro acusado do crime. Por enquanto, ninguém foi preso, mas pessoas próximas estão sendo monitoradas.

Polícia prende quatro suspeitos de participar de 'tribunais do crime'

A Polícia Civil de São Paulo prendeu quatro homens - membros do Primeiro Comando da Capital (PCC) - suspeitos de integrarem uma quadrilha encarregada de "julgar" e executar vítimas com requintes de crueldade. Um dos líderes do grupo está entre os presos, e o outro está foragido. A investigação também localizou cinco corpos enterrados em covas rasas na região de Cidade Tiradentes, na zona leste da capital paulista.

As mortes eram decretadas depois de debates entre integrantes da facção. Segundo a polícia, o "tribunal" consistia em prender os desafetos da quadrilha e a ouvir fazer a própria defesa enquanto um integrante do grupo preparava a cova. As mortes aconteciam no local onde o corpo seria enterrado. Para não chamar a atenção, os bandidos executavam as vítimas com fios de arame e picaretas.

Os policiais identificaram um dos líderes, o funileiro Gilmar Magalhães Lima, o "Má", de 28 anos, mas ele continua foragido. O outro chefe é Marcel Andrade de Oliveira, o "Barata", que está preso. Também foram detidos Adriano Andrade do Nascimento, Lincoln Luiz da Silva e Alan Flávio Santos. O grupo foi detido entre final de setembro e o início deste mês em diversos bairros da zona leste, e as informações foram divulgadas no começo desta semana pelo Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic).

O Instituto Médico Legal ainda tenta identificar as vítimas. Para o delegado Antonio Carlos, as investigações permitiram identificar os autores e os procedimentos adotados, além de descobrir alguns códigos usados nos "tribunais", principalmente em relação às outras facções.

Câmeras flagram agressão dentro de pronto-socorro no interior

A polícia de Ribeirão Bonito, a 263 km de São Paulo, tenta identificar um grupo de jovens que invadiu o pronto-socorro da cidade para agredir um rapaz de 23 anos. Câmeras de segurança flagraram o momento em que o jovem era espancado por outros cinco homens.

A agressão aconteceu na última quinta-feira, mas foram divulgadas apenas nesta segunda-feira. A sequência mostra quando a vítima entrou no local, seguida pelos cinco rapazes. Eles o agrediram com socos, chutes e uma barra de ferro, que foi deixada para trás quando eles saíram.

Minutos depois, três rapazes voltaram e dois chutaram a cabeça da vítima. Funcionários do hospital socorreram o rapaz, que ficou desacordado.

A confusão começou durante uma partida de futsal em um ginásio de esportes, a cinco quarteirões do local. De acordo com o delegado Marco Aurélio Gonçalves Costa, a vítima teria se desentendido com outros dois rapazes, houve uma briga e ele teria dado uma facada no ombro de um deles.

“Ele saiu correndo rumo ao centro da cidade e entrou no pronto-socorro com a esperança de que estar a salvo, porém todas as pessoas entraram e o agrediram lá dentro”, disse o delegado.

A vítima do espancamento foi transferida para a Santa Casa de São Carlos, onde ficou internada por dois dias e depois liberada. Agora, a polícia pretende identificar os outros rapazes envolvidos na briga. A vítima também vai ser submetida ao exame de corpo de delito para averiguar a gravidade da agressão.

Criminosos que aguardavam para prestar depoimento conseguem escapar de cela

Dois criminosos conseguiram fugir na noite desta segunda-feira do Fórum de Poá, na Grande São Paulo. Eles estavam no local para serem ouvidos pelo juiz e escaparam de uma cela no subsolo quando o policial militar que os vigiava foi ao banheiro.

Um dos homens chegou a fugir em um ônibus, foi perseguido por policiais quando entrou em um córrego, mas conseguiu escapar após entrar em uma tubulação. Foram cinco horas de buscas, mas nenhuma pista foi encontrada.

O policial militar que fazia a segurança dos presos já foi ouvido pela PM e pela Polícia Civil, que abriu inquérito. Nos depoimentos, ele disse apenas que foi ao banheiro, e quando voltou, os dois já haviam fugido.

Os presos conseguiram entortar uma barra para fugir. Os dois respondem por crimes como receptação, roubo e tráfico. Antes de irem para o fórum, estavam presos no Centro de Detenção Provisória de Suzano, também na região metropolitana.

Uma funcionária do fórum também deve ser ouvida no inquérito da Polícia Civil. Já a PM informou que vai abrir uma sindicância para saber se houve negligência ou facilitação da fuga

Presa quardrilha suspeita de roubo de gados

Policiais civis de Ribeirão Preto, a 313 km de São Paulo, e de Campinas, a 93 km, prenderam nesta segunda-feira oito pessoas suspeitas de integrarem uma quadrilha especializada em roubo de gado. Em 14 meses de investigações, 23 pessoas já foram presas.

Os criminosos agiam em todo o interior do estado. Apenas na região de Ribeirão Preto, a quadrilha seria responsável pelo roubo de 500 cabeças de gado. Pelo menos 40 pessoas participavam do esquema. Os suspeitos foram presos em residências em Hortolândia, Sumaré, Campinas e Jarinu.

A polícia também apreendeu quatro revólveres calibre 38, quatro espingardas e munição. Todos os suspeitos já tinham mandado de prisão expedido pela Justiça. Dois dos presos eram procurados também por um latrocínio cometido em Tocantins.

De acordo com a investigação, a quadrilha roubava o gado e depois repassava os animais para o abate e também para revenda. Para a polícia, a principal dificuldade foi o grande numero de funções, que dificultou a identificação dos criminosos.

Estudante reage a assalto em Praia Grande e acaba baleado

Um estudante de 21 anos foi baleado durante um assalto na madrugada desta segunda-feira, na Cidade Ocian, em Praia Grande. A vítima teria reagido ao roubo e dois marginais fugiram com a moto do rapaz.

O crime foi na esquina da Avenida Presidente Castelo Branco com Rua Guimarães Rosa, por volta da 1 hora. Uma equipe da Polícia Militar foi acionada para ir até o local atender a ocorrência.

De acordo com a vítima, ela havia deixado sua moto Honda CB 600 preta estacionada na esquina, quando dois marginais não identificados se aproximaram. Um deles estava armado.

A dupla anunciou o assalto e o estudante reagiu se negando a entregar a motocicleta. Nesse momento ele foi baleado no braço esquerdo e abdômen. Os autores do crime fugiram.

A vítima foi socorrida e encaminhada ao PS Central de Praia Grande. A prefeitura informou que ele foi medicado e liberado.

Homem mata mulher após casamento

O auxiliar de enfermagem Benedito Anderick de Souza, 58 anos, é suspeito de ter matado Elis Regina Pereira da Silva, 38, e se suicidado em seguida, na noite de anteontem, no Jaraguá (zona norte de SP). Eles se casaram no cartório na última sexta-feira,a festa estava marcada para acontecer somente no fim do ano, em dezembro.

O corpo de Elis foi encontrado depois que policiais militares receberam uma informação anônima dizendo que Souza teria confessado o crime a um conhecido. Ele ainda afirmou que se mataria logo em seguida.

A PM chegou à casa onde os dois moravam há pouco mais de dois meses e encontrou o corpo da mulher com vários golpes de faca, caído de bruços no banheiro da residência. No local, os policiais encontraram e apreenderam a faca utilizada para matar a auxiliar de enfermagem.

Polícia apura desaparecimento de publicitário

O desaparecimento de um publicitário na semana passada é um mistério para a polícia. Maurício Dantas, 36 anos, estava dirigindo na avenida Radial Leste, na última sexta-feira, e iria buscar o irmão no Hospital das Clínicas, por volta das 15h. Desde então, ele não apareceu mais. Segundo policiais do 50º DP (Itaim Paulista), onde o caso foi registrado, não havia pistas do paradeiro dele até a noite de ontem.

Um dia após o sumiço, no sábado, o carro dele foi encontrado no Itaim Paulista (zona leste de SP). Os vidros do veículo estavam quebrados, um dente e uma corrente de prata tinham marcas de sangue. A polícia encontrou também pedaços de cabelo no cinto de segurança. Outro detalhe é que o carro tinha cigarros e bebidas alcoólicas, mas o publicitário não bebia nem fumava, segundo a família relatou a policiais.

Familiares ouvidos pela reportagem dizem que Dantas não tem inimigos. Ele também não tinha rixas e era líder da juventude em uma igreja evangélica. "Todos estão abalados. Não conseguimos trabalhar. Não tem razão para isso ter acontecido. Ele é uma pessoa de família e trabalhadora", diz a irmã dele, a administradora de empresas Elisandra Dantas, 35.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Partida de futebol vira caso de policia

Era apenas uma partida de futebol amador de Caraguatatuba, mas acabou virando caso de policia, após o arbitro de um jogo ocorrido na tarde de domingo 17/10, ter sido agredido por um jogador expulso com um soco no rosto.

Com a chegada da policia militar no Centro Esportivo, o suposto agressor identificado apenas pelas iniciais R.B, já havia evadido.

A vitima G.P.A de 31 anos, relatou que após desentendimentos com jogadores, o agressor que já havia sido expulso desferiu um soco em seu rosto dizendo “ Juiz ladrão merece apanhar”.

O caso foi registrado pela policia militar, que encaminhou os dados á delegacia de policia.

Motorista é preso após agredir a companheira

Por volta das 22h30min do ultimo sábado 16/10, os policiais militares Cb. Ricardo e Sd. Julio, foram acionados para comparecer na Rua.Ethel Cíntia de Medeiros, para atender uma ocorrência de violência doméstica.

No local, a vitima a dona de casa C.M.G.S de 32 anos, relatou que seu companheiro passou a tarde bebendo em um bar, e quando chegou em casa teria agredido-a com um soco no rosto e quebrado objetos da casa.

O acusado o motorista F.S.S de 33 anos, disse que apenas se defendeu e não agrediu a companheira.

Conduzidos à delegacia, o acusado acabou preso por agressão (Lei Maria da Penha), mas acabou liberado para responder ao crime em liberdade, após pagamento de fiança estipulada no valor de R$500,00.

Pedreiro é preso por tráfico de drogas no Poiares

O pedreiro E.D.R de 38 anos, conhecido nos meios policiais por “Nego”, foi preso em flagrante por tráfico de drogas por volta das 16:20 do ultimo sábado 16/10.

Os policiais militares Cb. Marcondes e Sd. Amarante, foram informados que o suspeito que saiu da cadeia há pouco tempo, estaria comercializando drogas na Rua. Dom João VI no bairro Poiares.

No local os policiais abordaram o acusado no portão da residência, e localizaram no bolso da bermuda 60 pedras de crack.

Em diligências na casa do criminoso, os policiais encontraram uma balança de precisão e mais 300 gramas de crack.

Conduzido à delegacia, “Nego” que já possuía passagens por porte ilegal de arma e tráfico de drogas, acabou recolhido ao CDP de Caraguatatuba.

Mulher é morta com tiro no rosto, na Vila São José em Atibaia

Uma mulher foi morta com um tiro no rosto na noite deste domingo (17), na Vila São José, em Atibaia. Segundo a Polícia Militar, um homem armado entrou na casa onde ela morava e efetuou os disparos.

Ela chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada à Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos. Até o momento, ninguém foi preso.

Segundo depoimento da filha da vítima, o homem teria entrado na casa perguntando pelo nome da mulher e ao se deparar com ela começou a atirar. A filha não sabe quem é o homem.

Homem é encontrado morto com sinais de estrangulamento em SP

Um homem de 47 foi encontrado morto dentro de casa, neste domingo à tarde, no bairro Santa Maria do Carmo, em Franca. Segundo as primeiras análises da perícia, ele provavelmente foi morto por estrangulamento.

Segundo o delegado José Carlos de Oliveira, responsável pelo caso, o homem era usuário de drogas e morava sozinho. O corpo foi encontrado pela irmã e um vizinho. O crime teria ocorrido de madrugada.

O delegado disse ainda que a polícia civil investiga o crime e que quatro pessoas são consideradas suspeitas.

domingo, 17 de outubro de 2010

Homens invadem casa e matam dono de jornal em SP

O jornalista Wanderlei dos Reis, de 42 anos, foi baleado na noite de ontem por três homens armados dentro da própria casa, no centro de Ibitinga. Ferido, ele morreu na manhã de hoje. Reis era dono do Jornal Popular News, uma publicação periódica e gratuita na cidade, voltado basicamente para a política. A Polícia Civil investiga o caso e ainda não tem pistas sobre a autoria do crime.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), durante a noite de ontem, Moisés Fernandes da Silva, de 20 anos, que morava na mesma casa com o jornalista, escutou um homem chamando por Reis. Ao sair no portão, encontrou três homens que o seguiram e fizeram ele e o jornalista reféns dentro de um quarto. Inicialmente, segundo a polícia, pensaram tratar-se de um roubo.

Tanto o jornalista quanto o colega foram agredidos fisicamente. Minutos depois, a porta do cômodo foi aberta e o jornalista retirado à força pelos criminosos, segundo a PM, quando Reis foi levado até a cozinha. O delegado Carlos Ocon de Oliveira, de Ibitinga, diz que um dos homens disparou um tiro na perna da vítima. A bala acertou a artéria femoral de Reis, que foi socorrido e morreu no hospital.

"Ainda estamos investigando e é prematuro saber o motivo do crime. Não sabemos se é por coisas pessoais ou pelo fato dele ser dono de jornal", falou o delegado, dizendo não acreditar em latrocínio. O depoimento da única testemunha não foi revelado.

Menino morre com tiro na casa da babá

Um menino de seis anos morreu, ontem à tarde, após ser baleado no queixo com tiro de um revólver 38 de numeração raspada encontrado debaixo da cama de sua babá, em Guarulhos (Grande SP). A Polícia Civil suspeita de que o disparo tenha sido efetuado pela própria vítima, de forma acidental.

Segundo a polícia, o disparo que matou Antonio Jefferson Santos Braga ocorreu por volta das 13h, na casa de sua babá, na rua Doutor Roberto Lemo Pádua, no Jardim Palmira. No momento do tiro, também estavam na residência a babá Ana Virgiliana Bacelar, 52 anos, e seu filho Eriel Daniel Bacelar, 27 anos, que estaria dormindo.

A criança foi levada ao Hospital Padre Bento, mas não resistiu aos ferimentos.

Filho é morto nove dias depois do pai

Nove dias após perder o pai assassinado, o comerciante Paulo Roberto Durante, 27 anos, foi morto no mesmo local, durante tiroteio em sua pizzaria, anteontem, na região do Parque São Rafael (zona leste de SP). O ajudante Marcelo Alves da Costa, 26anos, também foi atingido pelas balas e morreu antes de ser socorrido. A polícia investiga a possível relação entre os dois crimes, ocorridos no mesmo local e em circunstâncias idênticas. Policiais encontraram duas máquinas caça-níqueis desmontadas e três monitores no comércio.

A reportagem apurou que o local era conhecido ponto de encontro de policiais civis na região. Há suspeitas de que o crime esteja relacionado ao roubo de cargas.

Em depoimento à polícia, a noiva de Durante, uma fisioterapeuta de 29 anos, disse que, assim que ouviu os tiros, correu para o banheiro, onde permaneceu escondida. Ela afirmou que, após a morte do pai, o comerciante disse que continuaria trabalhando na pizzaria. Já a esposa de Costa foi à delegacia e contou que, por volta das 21h, esteve no comércio. Ela levou o marido para ajudar Durante no atendimento da pizzaria.

Camelôs aplicam golpe com carcaças

Com a proximidade do fim do ano, quando o movimento em locais de comércio popular da capital como a rua 25 de Março (região central de SP) e o Brás (zona leste) aumenta, sobe também o número de casos do "golpe da carcaça", segundo a Polícia Civil.

Esse tipo de golpe é praticado por ambulantes que colocam pedaços de pedra, de sabão e de sabonete em carcaças de notebooks, celulares e videogames e vendem os aparelhos eletrônicos como verdadeiros por preços até 90% mais baixos que os de mercado.

Só o 1º Distrito Policial (Sé) registrou, entre março e setembro deste ano, 19 casos do golpe. O crime responde por 16% do universo de 114 crimes de estelionato registrados pela delegacia. Segundo a polícia, 8 (42%) das carcaças usadas nos crimes eram de notebooks e outros 4 (21%) eram de celulares.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Dupla tenta roubar banco, não consegue e foge

Dois homens armados entraram na agência do Santander de Paraibuna na noite desta quinta-feira (14) e renderam a funcionária e o vigilante que estavam no local fazendo o fechamento. Os ladrões mandaram a mulher abrir o local do caixa onde é guardado o movimento financeiro do dia, mas ela disse que não teria condições de abrir.

Diante da recusa, ela foi levada para o banheiro da agência e amarrada. Segundo a funcionária, os ladrões usavam boné e estavam com o rosto coberto, mas aparentavam ter 26 ou 27 anos. O vigia foi preso no banheiro também. Os ladrões fugiram sem levar nada.

Polícia captura um dos três fugitivos da cadeia de Jacareí


A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jacareí prendeu um dos três homens que fugiram essa semana da cadeia da cidade. Fernando Soares foi preso na noite de ontem (14) em uma casa no bairro Bandeira Branca 1.

Na terça-feira ele aproveitou para fugir enquanto criminosos resgatavam José Nivaldo Soares. Um outro detento, Marco Antônio da Costa, também conseguiu escapar. José Nivaldo e Marco Antônio ainda são procurados pela polícia.

Operação da Polícia Civil prende 62 pessoas na região do Vale do Paraíba

A Polícia Civil prendeu 62 pessoas nesta quinta-feira (14) durante uma operação na região. Das prisões, 11 foram em flagrante e 51 por mandados, nas cidades de São José dos Campos, Taubaté, Guaratinguetá, São Sebastião e Cruzeiro.

De acordo com a polícia, os acusados foram presos por tráfico de drogas, roubos, furtos e pensões alimentícias. Também foram apreendidos seis veículos. A operação envolveu 150 policiais civis.

Operação da Polícia Civil prende 62 pessoas na região do Vale do Paraíba

A Polícia Civil prendeu 62 pessoas nesta quinta-feira (14) durante uma operação na região. Das prisões, 11 foram em flagrante e 51 por mandados, nas cidades de São José dos Campos, Taubaté, Guaratinguetá, São Sebastião e Cruzeiro.

De acordo com a polícia, os acusados foram presos por tráfico de drogas, roubos, furtos e pensões alimentícias. Também foram apreendidos seis veículos. A operação envolveu 150 policiais civis.

Aposentado de 66 anos é preso com 10 quilos de crack na Fernão Dias

Um senhor de 66 anos foi preso nesta quinta-feira (14) na rodovia Fernão Dias, em Vargem. Ele transportava 10 quilos de crack em um carro. Mas o que chamou a atenção da polícia foi como a droga era escondida.

O veículo com placas de Salvador estava equipado com um esconderijo eletrônico no painel. Dentro, a polícia encontrou os 10 quilos de crack.

O aposentado foi preso em flagrante. Além da droga, foram apreendidos com ele quase R$ 4 mil em dinheiro e um celular. O idoso já tem passagem por falsificação de documentos.

Em depoimento à polícia, ele disse que foi contratado para levar o carro de São Paulo a Salvador. De acordo com o delegado Joel Bozolo, esse tipo de crime é comum na rodovia.

Só essa semana, essa foi a terceira apreensão de drogas na rodovia. Em todos os casos, o entorpecente era levado de São Paulo para outros estados.