quinta-feira, 28 de maio de 2009

Onde há fumaça há fogo... Quem não deve não teme???

Na giria popular essas frases muitas vezes desafia a verdade ou algo de errado.
A Santa Casa de Caraguatatuba há anos tem virado caso de policia, maus tratos com pacientes e familiares, denúncias de negligências,e todos da cidade sabem: se for rico e tiver dinheiro pra gastar na Santa Casa "será bem atendido".

Veja a baixo uma matéria extraída do BlogdoJoaolucio

Título: As irmãs da Santa Casa evitam fiscalização de vereadores


Vasou no rádio, que a Santa Casa não quer autorizar a visita da comissão de saúde da câmara às suas dependências. Ora, uma institução que recebe verbas públicas do Estado, União e Município, teria que deixar as portas abertas até aos cidadãos comuns que segundo a Constituição Federal tem o direto de fiscalizar os órgão que prestam serviços públicos. A Santa Casa está precisando é de um prefeito macho que seja capaz de intervir como já aconteceu em muita cidades por ai afora. Segredo de justiça em hospital de carater público, é um absurdo. E´público porque presta serviço público e consome verbas públicas.
Se eu fosse prefeito iria fazer uam auditoria nessas contas e ver porque não querem fiscalização.
Quem é internado por lá vai ouvir dentre outra perguntas sem sentido essa: " qual é a sua religião ?". O que tem a ver religião com internação ou prestação de contas de verbas públicas ? Está tudo misturado e confuso e a população não sabe se reza ou se procura o médico. FONTE: blogdojoaolucio.blogspot.com

1.100 pedras de crack, maconha e cocaína são apreendidos com traficante no Perequê-Mirim


Operação conjunta entre a Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) e DIG (Delegacia de Investigações Gerais), apreenderam com um traficante 1.100 pedras de crack, maconha e cocaína.
O flagrante ocorreu por volta das 09h00min da manhã desta quinta-feira 28/05, na rua. Santa Bárbara no Perequê-Mirim, e os policiais já investigavam o acusado, até solicitarem a justiça um mandando de busca e apreensão na casa que teria sido alugada para ser usada como laboratório para preparar droga.

No local foi encontrado uma parte da droga e uma menor de 14 anos, o desocupado C.E.F de 20 anos o vulgo “Tódinho”, foi localizado em casa, onde outra parte da droga foi encontrada.

O suspeito foi conduzido à delegacia, onde acabou presa por tráfico de drogas, a droga se vendida iria dar de lucro cerca de R$15 mil reais ao traficante.

Mulheres são surpreendidas com droga pela Força Tática

Por volta das 00h20min, a equipe da Força Tática equipe do sargento Lucca, e os soldados de Lucca e Marcio Batista, realizavam patrulhamento pela Avenida Rio Branco no Indaiá, quando localizaram duas mulheres em atitudes suspeitas.

Os policias abordaram a menor M.K.N de 17 anos, e a desocupada A.P.S de 36 anos que portavam 50 pedras de crack, dinheiro e um celular. O Local é ponto de prostituição e outras pessoas já foram presas com drogas, e ainda vários assassinatos já ocorreram neste local.

A maior foi indiciada e presa por tráfico de drogas, já a menor será encaminha para a Vara da Infância e Juventude.

Ladrão fica entalado em janela ao praticar furto em bar


Um homem identificado como Osnar dos Santos Cesário, de 40 anos, invadiu pela janela um bar em Jundiaí, a 58 quilômetros de São Paulo, mas acabou entalado na hora de sair. Ele é suspeito de tentar furtar o local e ficou preso pela cintura no vitrô.

A polícia foi chamada e precisou acionar os bombeiros para que o suspeito fosse retirado. Segundo a polícia, Osnar invadiu o estabelecimento durante a madrugada de ontem pela mesma janela onde ficou entalado na hora de sair. A filha da dona do bar, que mora no andar de cima, ouviu barulhos no local e chamou a PM. Com a chegada da polícia, o suspeito tentou passar rapidamente pela janela e acabou entalado.

Diante da situação, os bombeiros foram acionados e quebraram a janela para retirar Osnar. Na primeira tentativa, tentaram puxá-lo com uma corda, mas não deu certo. Nesse momento, as calças dele caíram. Com ferramentas, os bombeiros serraram a janela . A operação levou uma hora e meia e, apesar do flagrante, o homem foi liberado.FONTE: DIÁRIO

Bin Laden retorna à prisão em Boiçucanga" acusado de Latrocínio no Cheiro Verde"


Policiais do 2º Distrito da Polícia Civil, em Boiçucanga, prenderam na tarde de ontem, Leandro Ferreira da Silva, de 25 anos, também conhecido por “Bin Laden”, na Rua 2, da Vila Baiana, na Barra do Sahy, Costa Norte do município.

Apesar de ter sido solto, com um alvará da Justiça, mesmo sendo acusado de ser o autor do disparo que matou o barman Pablo Ricardo de Faria, no mês de dezembro, em assalto a um restaurante em Boiçucanga, Bin Laden foi capturado ontem, por outro processo, com a acusação de assalto, que estava em andamento desde 2006.

Com o mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara de São Sebastião, os policiais Ricardo Marques e Julimar Pereira, capturaram o acusado. “Ele não demonstrou reação. Quando chegamos, ele estava deitado, e não havia nada de irregular na casa”, relata Marques.

Segundo o policial, Bin Laden, coleciona diversas acusações, como homicídio, tráfico, roubo entre outros, e tem o apelido devido à semelhança física com Osama Bin Laden, do grupo terrorista Al-Qaeda.
Capturado, suspeito foi levado ao 2º Distrito, onde foi registrado um Boletim de Ocorrência de captura de procurado, e encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP), em Caraguatatuba, onde está à disposição da Justiça, até seu julgamento.
FONTE:I.LIVRE

quarta-feira, 27 de maio de 2009

"Isto que é defender a cidade" Prefeito coloca o pé na estrada contra presídio

Desde a manhã de domingo, o prefeito de Porto Feliz , Cláudio Maffei (PT), de 43 anos, trocou seu gabinete pela estrada: ele deixou a cidade a pé e se dirige à capital, onde irá até o Palácio dos Bandeirantes tentar fazer com que o governo do estado mude de ideia sobre a construção de um presídio em sua cidade. Consigo, o prefeito leva mais de 15 mil assinaturas contra o projeto.

Até ontem, ele havia percorrido metade do trajeto de 110 quilômetros. A previsão é que chegue amanhã. “A caminhada é dura, já tenho bolhas nos pés, dores nas costas e nas pernas. Mas vou até o fim”, diz ele, que durante a noite monta um acampamento à beira da estrada para dormir e faz paradas apenas para comer e despachar com outras autoridades — na estrada mesmo. “Quase não dormi na última noite, porque o barulho é muito alto”, comentou o prefeito petista, que ainda não sabe se será recebido pelo governador tucano José Serra. Ele deve chegar na quarta-feira

Essa não é a primeira vez que Maffei encara uma caminhada dessas. No ano passado, resolveu fazer uma promessa para que uma grande indústria se instalasse em sua cidade.FONTE DIÁRIO

Investigação do Gaeco do Vale do Paraíba ajuda Policias Civil e Militar a prender quadrilha líder do tráfico


Uma operação conjunta das polícias Militar e Civil, comandada pelo tenente Polícia Militar Alexandre Cândido e o delegado Jairo Garcia Pereira, resultou na prisão de três procurados da Justiça, na tarde de ontem, no bairro Praia Grande, região Sul de Ilhabela.

Todos são envolvidos com o tráfico de drogas. São eles: C.M.S., 40 anos, tráfico e estupro; R.P.M., o “Barata”(foto),de 21 anos, tráfico e roubo; e a única mulher do grupo, D.J.R.P., 27 anos, presa por tráfico.

O delegado Jairo Garcia Pereira, lembra que dois dos integrantes já tinham sido presos em outra oportunidade, em Ilhabela, um por tráfico de drogas e o outro pelo homicídio de nove presos numa rebelião ocorrida, há cerca de dois anos, na cadeia pública de São Sebastião. A quadrilha vinha sendo investigada há quatro meses.

Conforme o delegado, na semana passada, o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Vale do Paraíba, denunciou os membros do bando por associação ao tráfico de drogas. “Esta quadrilha, que chefiava a droga no sul da Ilhabela, está desmantelada”, garantiu o delegado, responsável pela investigação.

Já o chefe da quadrilha, Deivison Henrique Santana, o “China”, 25, também teve sua prisão preventiva decretada, mas está foragido. A polícia acredita que Santana esteja no Litoral Sul de São Paulo. Os dois homens serão encaminhados para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Caraguatatuba, onde os outros dois integrantes do bando já estão presos.

A mulher será encaminhada para a cadeia pública feminina de Ubatuba. A polícia pede que quem tiver informações sobre o paradeiro de “China” ligue para os telefones 181 ou 190. Se condenado, o grupo pode pegar de três a dez anos de reclusão e multa.
FONTE: POLICIA CIVIL DE ILHA BELA

Com menos de um ano em funcionamento, CDP de Caraguá está com lotação acima da capacidade


Inaugurado em julho de 2008, o Centro de Detenção Provisória (CDP) “Doutor José Eduardo Mariz de Oliveira”, localizado na Estrada Pirassununga, no bairro Porto Novo, na região central de Caraguatatuba, já está com lotação acima da capacidade.
Unidade foi inaugurada em julho de 2008 e custou R$ 19,9 milhões aos cofres públicos.

De acordo com informações divulgadas pelo site da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) (www.sap.sp.gov.br), órgão do Governo do Estado, atualmente, a unidade que foi construída para abrigar 768 detentos, conta com uma população de 823 presos, número 7,1% maior do que o estipulado.

Inicialmente, um dos objetivos da implantação do CDP em Caraguatatuba era desafogar as carceragens dos distritos policiais do Litoral Norte e, consequentemente, desativá-las, tanto que, em sua primeira semana de funcionamento cerca de 600 presos foram transferidos para a unidade. Segundo a assessoria da SAP, o CDP caraguatatubense recebe infratores do Litoral Norte e de outras regiões.
Ainda de acordo com o site da SAP, o CDP de Caraguatatuba não é o único que está com população acima de sua capacidade máxima. Com o mesmo limite, de abrigar 768 detentos, as unidades de Guarulhos I e II são duas das que figuram com maior população, com 1782 e 1725 presos, respectivamente.

Na mesma condição também estão os CDP’s de Itapecerica da Serra, com 1766; Hortolândia, com 1644; Campinas, com 1562 e Mogi das Cruzes, com o total de 1466 infratores recolhidos. Já no Vale do Paraíba, Taubaté comporta atualmente 1454 e São José dos Campos 705, entretanto, neste caso, a unidade joseense tem capacidade para 512 detentos. Ao todo, dos 36 CDP’s do Estado de São Paulo, apenas a unidade de Franco da Rocha, que foi construída para abrigar 864 presos e conta com 220, não está fora da realidade de hoje em dia.FONTE: I. LIVRE

terça-feira, 26 de maio de 2009

Presente do Governo do Estado: Fundação Casa será entregue na próxima segunda-feira



A Secretaria de Estado da Justiça e da Defesa da Cidadania entrega na próxima segunda-feira, às 11h, a unidade da Fundação Casa (Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente), de Caraguatatuba.

O prédio, de três pavimentos, tem capacidade para abrigar 56 jovens com idade entre 12 e 18 anos, podendo chegar a 21 anos. Desse total, 40 vagas são para aqueles já com a sentença definida, inseridos nas medidas socioeducativas de privação de liberdade, e o restante para os que então em situação provisória.

A previsão é que a cerimônia conte com a presença do secretário Luiz Antônio Marrey e da presidente da instituição Berenice Giannella. A visita do governador José Serra não foi confirmada.

A Fundação Casa de Caraguá é a 40ª construída no Estado e o investimento foi em torno de R$ 3 milhões para uma área de cerca de 2,5 mil metros quadrados. De acordo com a assessoria de imprensa, o primeiro pavimento será composto por salas de aula e refeitório. Todos deverão estudar e as aulas serão ministradas por professores de unidades escolares próximas da Fundação. Estão previstos conteúdos dos ensinos Fundamental e Médio. Cada abrigado passará por avaliação através do de Readequação de Programa Trajetória Escolar (PRTE) que vai indicar o grau de aprendizagem de cada um.

No segundo andar ficarão os 14 dormitórios, sendo 10 destinados aos com situação definida e os outros para os que aguardam definição do Juizado de Menores. Conforme a administração da unidade, o contato entre os dois grupos será mínimo. No último piso ficará uma quadra poliesportiva onde os internos desenvolverão as atividades físicas e profissionalizantes.

A Fundação Casa, de acordo com a assessoria, vai abrigar os adolescentes dos quatro municípios do Litoral Norte – Caraguá, Ubatuba, Ilhabela e São Sebastião. Aqueles que se encontram em outras instituições poderão ser transferidos para o novo prédio.
Inicialmente, estimativa é que cerca de 70 pessoas vão integrar o quadro administrativo da fundação, sendo 35 ligados à área da segurança e o restante da Creche Meimei, que assinou convênio com o Estado para fazer a gestão compartilhada. Todos eles no momento, participam de cursos de capacitação.

O processo da Fundação Casa prevê que cada adolescente encaminhado passe por uma avaliação, por meio do Programa Individual de Atendimento (PIA) e faça uma reflexão do ato cometido. A unidade local deve ainda adotar o modelo pedagógico contextual experimental onde o interno passa por cinco fases, e de acordo com a avaliação, quando atingir o penúltimo estágio pode até fazer um curso fora da unidade.

A estimativa média de internação, segundo a fundação, gira em torno de nove meses a um ano e estatísticas apontam que a faixa etária mais atendida vai dos 15 aos 17 anos. A assessoria da unidade ressalta que no litoral só serão atendidos os adolescentes primários. Aqueles que foram reincidentes serão levados para outras unidades.

A Fundação Casa tem como missão primordial aplicar em todo o Estado as diretrizes e as normas dispostas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), promovendo estudos e planejando soluções direcionadas ao atendimento de adolescentes autores de atos infracionais. A unidade está localizada na estrada Pirassununga, 600, no bairro Porto Novo, região Sul do município, e será administrada por Paulo Luiz Borges da Silva.FONTE: I. LIVRE

Gaeco denuncia e Justiça decreta prisão de 6 traficantes de Ilhabela

A pedido do Ministério Público, a Justiça de Ilhabela,decretou nesta segunda-feira (25) a prisão preventiva de seis integrantes de uma quadrilha de nove pessoas que fazia o tráfico de drogas.

Foram denunciados por tráfico e tiveram a prisão preventiva decretada Deivison Henrique Santana, Marcelo Ledo dos Santos, o “Marcelo Pequeno” ou “Quase”, Dayana Julia dos Reis Peixoto, Claudinei de Mello e Silva, o “Nei”, Rodrigo Pereira de Moura, o “Barata”, Adriano Pereira de Araújo. Também foram denunciados Roberta dos Santos Alves, Joviane Gomes Pereira, o “Boi”, e Vanderlei Alves Cardoso, o “Pescoço”, que, entretanto, não tiveram prisão decretada.

A quadrilha foi identificada por meio de interceptações telefônicas realizadas pela Polícia Civil, com autorização da Justiça. As investigações apuraram que a quadrilha era liderada por Deivison e Marcelo Pequeno, que compravam cocaína, maconha e crack e repassava as drogas para os demais traficantes. Eles também cadastravam os pontos de venda de drogas e delimitavam a área de atuação de cada vendedor.

Deivison era auxiliado por sua esposa, Dayana, que fazia a comunicação entre o grupo, avisava sobre ações policiais, guardava e entregava materiais utilizados no tráfico. Claudinei de Mello e Silva, o “Nei”, atuava como gerente da quadrilha e Rodrigo de Moura, o Barata, era o “olheiro” do grupo, encarregado de avisar a quadrilha sobre a movimentação da polícia.

Adriano de Araújo guardava a droga e Roberta Alves transportava a droga até Ilhabela, bem como fazia o pagamento dos entorpecentes adquiridos pela quadrilha, que agiu durante o ano de 2008 e até o início deste ano, quando Adriano foi preso em flagrante e confessou as atividades do grupo.

A denúncia (acusação formal) contra os nove integrantes da quadrilha foi feita pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco)-Núcleo Vale do Paraíba e recebida pela Justiça de Ilhabela que decretou a prisão preventiva de Deivison, Marcelo, Dayana, Claudinei, Rodrigo e Adriano.

Rota tem novo comando e uma árdua missão


Uma vez policial de Rota, sempre policial de Rota. A frase dita pelo tenente-coronel Paulo Adriano Lopes Lucinda Telhada resume o sentimento de toda a corporação – assumida por ele no final da tarde desta segunda-feira (25), durante solenidade de passagem de comando do 1º Batalhão de Polícia de Choque “Tobias de Aguiar” (Rota), no bairro da Luz, na Capital. A troca de comando se deve ao fato de o coronel Airton Alves da Silva ter sido destacado para comandar o CPA/M-3, após promoção. Para o secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto, a histórica unidade da PM está em festa, não só pelo novo comando, “fenômeno que por si só traz novas esperanças, revigora a tropa”, mas porque “o evento tem tudo para ser um marco, um autêntico divisor de águas, como adiante se verá”.

Pouco mais de 16 horas e o Quartel da Rota, no bairro da Luz, estava lotado. Além de parte do efetivo, oficiais, autoridades políticas, convidados e jornalistas disputavam o espaço, que ao centro contava com um palco erguido em local estratégico, para a solenidade de passagem de comando do 1º Batalhão de Polícia de Choque “Tobias de Aguiar”.

A emoção do coronel Airton Alves da Silva, que deixa o comando do 1º Batalhão de Policiamento de Choque (BPChq) para assumir o Comando de Policiamento de Área Metropolitano 3 (CPA/M-3) não foi diferente daquela resumida pelo novo comandante, o tenente-coronel Paulo Adriano Lopes Lucinda Telhada. Com apenas 47 anos de idade, trinta deles destinados à Polícia Militar, Telhada contou sua estreita relação com a Rota, iniciada em 23 de junho de 1976, quando se apresentou, pela primeira vez, no Batalhão Tobias de Aguiar. Dezessete anos após deixar o BPChq, Telhada retorna, agora no comando, prometendo melhorar o atendimento ao povo paulista.

Para o novo comandante, “ser da Rota não é simplesmente usar boina preta e braçal... É dedicar-se, de corpo e alma, ao policiamento de São Paulo...” Além de ressaltar a importância de seus familiares nesta jornada, o tenente-coronel agradeceu ao secretário da Segurança Pública por ter lhe confiado esta missão. “Vamos usar maciçamente as ferramentas de inteligência policial na queda da criminalidade”, disse Telhada, ao ressaltar que “o policial é o maior bem da corporação”. Disse, ainda, que a Rota respeitará o cidadão sem baixar guarda, e que uma de suas missões é “colocar os criminosos sob o peso da lei”.


Tempo de mudar

Para o secretário da Segurança Pública, Antônio Ferreira Pinto, é tempo de mudar: “Agir com rigor no combate ao crime violento não significa incursionar para o abuso, descambar para o mau combate ou implantar a barbárie. Há que se ter atitude, bem por isso, esta data é significativa e tem tudo para ser um marco”.

Ferreira Pinto também salientou que com as mudanças ocorridas “a Rota deve voltar ao lugar que ocupava, com destaque e eficiência no combate aos criminosos violentos, audaciosos, desafiadores e covardes”.

E destacou: “A Rota começa a mudar pelo seu comandante. A tropa é o espírito do chefe”. Portanto, para ocupar o posto de comando, “só poderia ser alguém que fez história nessa tropa, que arriscou a vida por centenas de vezes, que foi baleado, que agiu com reconhecida bravura em oportunidades distintas, para fazer valer o princípio da autoridade do Estado e o restabelecimento da ordem”. E complementou: “Não há, com esse perfil, referência mais eloquente do que o tenente-coronel Paulo Adriano Lopes Telhada”.

E, olhando para a corporação, complementou: “A missão é árdua, mas a conseqüência será resultado do profissionalismo de todos vocês. A Rota pode ser imitada, jamais igualada”.

A solenidade foi encerrada no início da noite com o desfile de viaturas e, no Salão Nobre do Quartel da Rota, a inclusão da foto do coronel Alves na Galeria de Comandantes do 1º BC.
FONTE: SSP/SP

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Policial militar morre durante o trabalho em Jacareí

Um policial militar morreu durante o trabalho na noite deste domingo (24) em Jacareí. Ele foi atingido na cabeça enquanto atendia uma ocorrência no bairro Parque Meia Lua. O agressor também morreu durante o tiroteio.

O corpo do soldado Rodrigo dos Santos Alves, de 31 anos, foi velado no Batalhão da Polícia Militar de Jacareí. Rodrigo estava na PM há 9 anos. Atualmente fazia parte do efetivo da Força Tática.

No início da noite, o soldado e outros 12 policiais militares atendiam a uma ocorrência de tentativa de homicídio. Eles cercaram a casa do suspeito, que atirou e atingiu Rodrigo na cabeça.

Segundo o comandante do Batalhão, Rodrigo foi socorrido pelos próprios companheiros. O suspeito não se rendeu e atirou outra vez contra os policiais.

A Polícia Civil já instaurou inquérito do caso. O resultado da investigação deve ficar pronto em 30 dias. FONTE: VNEWS

Sobrinho de vereador morre após reagir a assalto

Em meio a muita comoção e revolta, cerca de 800 pessoas acompanharam ontem à tarde o enterro do comerciante Marcelo Feliciano Ramos, 20 anos, no cemitério de Santana, na zona norte de São José. O rapaz, sobrinho do vereador Robertinho da Padaria (PPS), foi morto durante uma tentativa de roubo ao mercado Ponto Brasil Novo, que fica no Jardim Imperial, zona sul da cidade. A vítima foi baleada no tórax depois de reagir ao assalto. Marcelo teria tentado lutar com o bandido para defender o pai, José Maria Ramos, que havia sido agredido com uma coronhada na cabeça. Até ontem à tarde, um suspeito havia sido preso. FONTE: Vale Paraibano

Mulher é baleada por motoqueiro na Martim de Sá

Por volta das 23h27min do ultimo domingo 24/05, a policia militar encontrou uma mulher alvejada por disparos de arma de fogo na rua. Jacarandá na Martim de Sá.
Segundo testemunhas uma moto teria passado sentidos praia Brava, e após serem ouvidos disparos o homem que dirigia a moto teria retornado sem a mulher que estava na garupa.
No local os policiais encontraram a mulher de calças arriadas, e junto a vitima uma “marica” (cachimbo usado para fumar crack).
A mulher estava inconsciente, e apresentava duas perfurações nas costas, sendo socorrida pelo Corpo de Bombeiros à Santa Casa.
Segundo a policia a vitima não portava documentos, e não tinha condições de fornecer dados sobre sua identidade, trata-se de uma mulher de cor branca, cabelos castanhos claros, aproximadamente 1,60 de altura e 65 quilos.
Segundo o hospital a radiografia constatou que foram duas perfurações, uma que transfixou o tórax e outra que o projétil estava alojado próximo a coluna.
A policia ainda não tem pistas sobre a identidade da vitima e nem sobre a autoria e motivos do crime.

Sobrinho mata tio a pauladas no Jaraguá

Antônio Pereira Leite, de 51 anos, morreu na manhã do último sábado, por volta das 6h, no Pronto Socorro Central, após ser agredido a pauladas pelo sobrinho José Gabriel Silva Leite, de 20 anos, dentro de sua própria residência, localizada na Avenida Dario Leite Carrijo, no bairro do Jaraguá em São Sebastião divisa com Caraguatatuba. Ambos apresentavam sinais de embriaguez e uma discussão teria provocado o crime.

Não se sabe o motivo da briga, porém, após a agressão, o sobrinho fugiu e entrou num matagal próximo à casa do tio. Segundo a Polícia Militar, que esteve no local do crime, as agressões atingiram os braços e a cabeça. Além disso, familiares e populares chegaram a escutar os barulhos dos golpes e o grito da vítima. Levado ao Pronto Socorro, a vítima não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Ainda na manhã de sábado, por volta das 10h, a PM localizou o agressor e o encaminhou ao 1º Distrito da Polícia Civil, no bairro da Vila Amélia, onde foi enquadrado por homicídio. Entretanto, como a prisão não ocorreu em flagrante, o sobrinho responderá pelo crime em liberdade. O pedaço de madeira utilizado no crime, encontrado pelos policiais à tarde, também foi apreendido e será usado nas investigações do caso. FONTE: I LIVRE

Bando faz arrastão em motel

Uma quadrilha armada invadiu um motel no km 69 da rodovia Anhanguera, em Jundiaí (58 km de SP), rendeu 20 clientes e roubou mais de R$ 3.000 deles e do estabelecimento, anteontem de madrugada. Segundo a polícia, duas vítimas foram agredidas durante a ação. Um bandido acabou sendo preso.
Os criminosos entraram no local pela porta da frente, como clientes. Depois, renderam uma funcionária e seguiram para os quartos, onde as vítimas foram abordadas nuas ou seminuas. Todas foram levadas para uma outra suíte, onde tiveram dinheiro, celulares, joias e outros pertences roubados pelo bando.
De acordo a Polícia Civil, o crime aconteceu por volta das 4h. Oito homens e três mulheres chegaram ao motel em dois carros, uma picape Montana prata e um Gol branco --a Montana havia sido roubada na última quinta-feira.
Na recepção, dois casais mostraram os documentos e pediram dois quartos. Os demais integrantes estavam escondidos dentro dos veículos. Depois de algum tempo, um dos ladrões fingiu que ia embora e, na hora de pagar a conta, disse que havia esquecido a carteira no quarto.
Quando voltou para a suíte, encontrou uma funcionária no quatro e a rendeu. Outros dois homens encapuzados então se juntaram a ele. Em seguida, a quadrilha começou a render os clientes. Ainda segundo a polícia, eles estavam armados com pistolas, revólveres e uma espingarda.
A funcionária foi obrigada a abrir as portas de todos os quartos onde havia clientes. Alguns casais, segundo as vítimas, não tiveram nem tempo de colocar as roupas. "Algumas mulheres se enrolavam em lençóis. Já os homens estavam quase todos pelados", contou uma balconista de 20 anos que estava no local com o namorado. "Foi uma situação muito constrangedora", disse a jovem.
Em uma das abordagens, os criminosos descobriram que um cliente de 46 anos era guarda municipal. Ele foi amarrado e agredido com socos, chutes e coronhadas.
Um outro cliente, um funcionário público de 29 anos, também apanhou, porque se recusou a sair do quarto e deixar a mulher sozinha com um dos bandidos --os ladrões não abusaram dela.
Durante patrulhamento na região, a Polícia Militar conseguiu prender um dos criminosos, um conferente de cargas de 25 anos. Ele era o único integrante da quadrilha que estava sem capuz na hora do crime e foi, segundo a polícia, reconhecido pelas vítimas.
Os demais integrantes da quadrilha não haviam sido identificados até a noite de ontem.

sábado, 23 de maio de 2009

Homem é preso com 190 papelotes de crack na cueca no interior paulista

Dois homens e uma mulher foram presos na noite de sexta-feira, em Matão, a 304 quilômetros da capital paulista, por tráfico de drogas. Um deles foi abordado com 190 papelotes de craque dentro da cueca. A Polícia Militar percorria o Jardim Itália quando Alcides Francisco Neto, de 22 anos, entrou gritando em uma casa localizada na Rua José Goulart Pereira.

A atitude suspeita fez com que a polícia entrasse na residência e encontrasse Tiago Cristiano Pereira dos Santos, de 19 anos, com a droga na roupa íntima. Na casa, ainda havia uma terceira pessoa, Geiza Keiti Perreira, de 28 anos. O trio foi preso em flagrante. A PM também apreendeu uma moto e R$ 290. Os dois homens foram levados para cadeia pública de Rincão e a mulher está presa em Santa Ernestina.FONTE: DIARIO

Tiroteio em fuga de ladrões deixa inocente morto

O entregador Edgar Soares de Paula, 25 anos, foi morto com pelo menos sete tiros durante uma perseguição a bandidos que haviam roubado um caixa eletrônico dentro do Mercado Municipal de Pinheiros (zona oeste de SP).
Soares de Paula voltava de mais um dia de trabalho, empurrando sua bicicleta com o pneu murcho, quando foi baleado nas costas, na ponte Eusébio Matoso. Os bandidos conseguiram fugir. Dois policiais militares foram baleados durante a perseguição de quase três quilômetros.
Viatura da PM com marca de tiros na janela
Tudo começou por volta da 1h30, quando uma quadrilha invadiu o mercado para roubar os caixas eletrônicos, segundo o boletim de ocorrência registrado no 14º DP (Pinheiros). O vigia contou que foi rendido e que os bandidos arrombaram um caixa do Santander. Depois de roubar o dinheiro, o bando tentou arrobar outro caixa. Mas o alarme disparou, e os bandidos iniciaram a fuga. Eles deixaram para trás ferramentas e munições de diversos calibres, que foram apreendidas.
O primeiro carro de polícia encontrou parte do bando fugindo em um Polo preto, em frente ao mercado. De acordo com a PM, os bandidos começaram a atirar com uma espingarda calibre 12 e pistolas. Um policial foi atingido no pé.
Quando outro carro de polícia alcançou os bandidos, na rua Teodoro Sampaio, e houve uma nova troca de tiros, mas ninguém se feriu. Já na esquina entre as avenidas Rebouças e Brigadeiro Faria Lima, um terceiro carro de polícia chegou aos criminosos. E um policial foi atingido na boca.
A perseguição foi até a ponte Eusébio Matoso, mas a PM diz não ter registrado que carro perseguia os bandidos. O Polo foi abandonado próximo à ponte estaiada da marginal Pinheiros (zona sul). A polícia vai tentar usar imagens de câmeras dos prédios da região para identificar os bandidos.
Irmã do entregador, a esteticista Vanessa Soares de Paula, 29 anos, contou que ele trabalhava 12 horas por dia entregando comida com sua bicicleta no centro da capital e voltava pedalando para casa, em Osasco (Grande SP). "Ele era um atleta. Tinha feito faculdade, mas teve que parar de estudar para trabalhar. Todo mundo está chocado."
Vanessa contou que, há 14 anos, o pai deles, um taxista, foi morto com um tiro na cabeça. O entregador será enterrado hoje, em Osasco.
As armas de seis PMs foram apreendidas. A perícia vai avaliar se algum dos disparos que atingiram o entregador partiu dessas armas. De acordo com os PMs, os criminosos atiraram no entregador para despistá-los, fazendo-os parar para ajudar o entregador.
A Polícia Civil acha estranho o fato de os bandidos conhecerem o modo de proceder da PM, que deve socorrer vítimas em perseguições. A quantidade de tiros que atingiram o ciclista também causa estranhamento. FONTE:AGORA SP

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Polícia prende suspeito de estupros em São José dos Campos

Um homem, de 29 anos, foi preso nesta madrugada (22) sob acusação de estupro em São José dos Campos. A polícia investiga a participação dele em outros crimes de violência sexual.

A vítima, uma mulher de 39 anos, foi abordada na avenida João Guilhermino, por volta das 21h00. Ela foi levada, à força, pelo suspeito a uma farmácia na Avenida Adhemar de Barros e foi obrigada a comprar vários produtos. Depois, ele a levou para um beco, localizado no final da Rua Paulo Setubal.

No local do crime, a vítima viveu momentos de terror. Após o estupro, ela ainda conseguiu acionar a polícia. Segundo o capitão da Polícia Militar, as rondas na região central já tinham sido intensificadas porque o acusado já teria feito pelo menos outras três vítimas nos últimos dez dias, incluindo uma menor de idade.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, o número de casos de estupros quase dobrou no Vale do Paraíba. Foram 50 casos no primeiro trimestre desse ano, contra 26 no mesmo período de 2008.

Ainda de acordo com a polícia, o rapaz agia quase sempre da mesma forma. "Ele procura as vítimas pela região central, geralmente as mulheres que estão nos pontos de ônibus e por volta das 23h00", disse o capitão da PM, Welington Protásio.

O caso foi encaminhado para a delegacia da mulher. A delegada Juliana Puccini vai pedir a prisão preventiva do estuprador. E também dá dicas para as mulheres, de como agir em situações como essas. "Evitar locais desertos com pouca iluminação, sempre estar acompanhada e se perceber que está sendo seguida procurar locais movimentados. E gritar por incêndio, porque quando grita por socorro as pessoas têm medo em se envolver", disse a delegada.

A delegada pede que outras vítimas de estupro em São José dos Campos compareçam à delegacia de defesa da mulher para fazer a identificação do acusado. O suspeito pelos estupros foi levado para a cadeia de Jacareí. FONTE: VNEWS

quinta-feira, 21 de maio de 2009

"Atirador do shopping" tenta matar colega de cela em Salvador (BA), diz secretaria

O ex-estudante de medicina Mateus da Costa Meira, condenado por assassinar três pessoas num cinema em São Paulo em 1999, tentou matar um colega de cela na Penitenciária Lemos Brito, em Salvador (BA), onde está preso desde fevereiro. Segundo a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia, o "atirador do shopping", como é conhecido, atacou o colega no dia 8 de maio.

Na ocasião, Meira usou uma tesoura utilizada nas atividades artesanais contra um dos dois colegas com quem dividia a cela. Ferida sem gravidade na cabeça, a vítima foi atendida no centro médico da penitenciária e liberada em seguida.

Conforme o superintendente de Assuntos Penais da pasta, Isidoro Rodriguez, a ação do ex-estudante foi impulsiva. "Segundo disse um dos presos, o Mateus ficou bravo pelo fato de eles [colegas de cela] falarem em voz alta de noite", afirmou.

Conduzido no mesmo dia à 10ª Delegacia de Polícia de Salvador, Meira foi autuado por tentativa de homicídio. Ele retornou à unidade prisional, mas foi transferido para outra cela.

Condenação

Em 3 de novembro de 1999, Meira entrou na sala 5 do cinema do Morumbi Shopping e, armado com uma submetralhadora 9 mm, atirou contra as pessoas que assistiam ao filme "Clube da Luta". Três pessoas morreram e quatro ficaram feridas.

Pelo crime, ele foi condenado inicialmente a 110 anos e seis meses de prisão. Em 2007, magistrados da 4ª Câmara Criminal do TJ (Tribunal de Justiça) de São Paulo reduziram a pena para 48 anos e nove meses. Na prática, acusado não poderá ficar na cadeia por mais de 30 anos, pena máxima permitida pela legislação brasileira.

Em fevereiro deste ano, ele foi transferido da Penitenciária 2 de Tremembé (147 km de São Paulo) para a prisão em Salvador após a Justiça acatar o pedido de seus pais, que moram na cidade.

Polícia prende carcereiro suspeito de participar de sequestro em SP

Um carcereiro suspeito de participar do sequestro de um comerciante foi baleado e preso na noite de quarta-feira (20) na zona norte de São Paulo.
Polícia isola área onde ocorreu tiroteio, na zona norte de SP; carcereiro suspeito de participar de sequestro foi ferido e preso
A SSP (Secretaria da Segurança Pública) informou que a polícia foi acionada após os criminosos estabelecerem o local para o pagamento do resgate --uma churrascaria em um shopping. Com a chegada dos policiais, houve troca de tiros no estacionamento do local.
A vítima, que teria sido rendida na manhã de ontem, e estava dentro de um veículo conseguiu escapar quando o carro parou próximo à saída do estacionamento. O comerciante, de 46 anos, não se feriu.
Durante troca de tiros, o carcereiro, de 36 anos, foi atingido nas nádegas, informou a SSP. Outros dois suspeitos conseguiram fugir.
A secretaria afirma que o resgate não chegou a ser pago. A polícia não informou onde trabalhava o carcereiro.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

A promesa era essa, mas a verdade deve ser outra?


A Secretaria da Administração Penitenciária inaugurou, no último dia 11 de julho de 2008, o Centro de Detenção Provisória (CDP )"Dr. José Eduardo Mariz de Oliveira" de Caraguatatuba, com capacidade para 768 detentos. "Com essa nova unidade para presos provisórios, as carceragens de distritos policiais da região serão desativadas trazendo mais segurança e tranqüilidade à população, além de possibilitar ao policial o seu retorno ao trabalho investigativo".

A nova unidade homenageia postumamente o Dr. Mariz pelos seus préstimos ao sistema penitenciário de São Paulo (Mais informações no quadro abaixo)
O CDP recebe detentos dos municípios de Caraguatatuba, São Sebastião, Ilhabela e Ubatuba, proporcionando redução na superlotação carcerária no Litoral Norte.
(NA FOTO A REALIDADE QUE ERA A CADEIA NO JARDIM PRIMAVERA)

Dois são esfaqueados no Jardim Santa Rosa



Dois homens foram esfaqueados na tarde desta quarta-feira 20/05, o crime ocorreu na rua. Três no Jardim Santa Rosa, também conhecido como “Morro do Chocolate”.
De acordo com a policia o alvo do agressor era Douglas de Paula Dias de 21 anos, que morreu na hora. Um homem que tentou apartar a briga foi esfaqueado na mão foi socorrido e passa bem.
O autor do crime fugiu, e segundo a policia militar a vitima fatal tinha passagem por tráfico de drogas.
O corpo foi levado para o IML (Instituto Médico Legal), e foram constatadas perfurações no pescoço e peito no local do coração.
O crime será investigado pelo distrito policial do bairro Massaguaçu, e denúncias podem ser feitas no telefone 197.
Este é a segunda morte violenta no mês na região norte do município.
No começo do mês de Maio o pedreiro Alonso Nunes do Prado de 50 anos, morreu após ser esfaqueado no bairro Olaria.
A vitima chegou a ficar internada, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O autor do crime foi preso em flagrante pela policia militar, o crime foi motivado após uma briga entre a vitima e o acusado.

Suspeito de roubar carro morre após troca de tiros com a ROTA em São Paulo


Um homem baleado durante troca de tiros com policiais militares da Rota (Rondas Ostensivas Tobias Aguiar) morreu na noite desta terça-feira (19) após dar entrada no pronto-socorro do hospital Edmundo Vasconcelos, na zona sul de São Paulo.

Segundo a PM (Polícia Militar), o tiroteio aconteceu por volta das 20h, quando dois homens armados abordaram um advogado que dirigia um Hyundai. Na altura do número 980 da avenida Ibirapuera, os assaltantes, já no veículo da vítima, atiraram contra o carro dos policiais.

Na troca de tiros, um dos suspeitos foi atingido e acabou sendo levado em estado grave para o pronto-socorro, onde morreu. O comparsa foi preso e encaminhado ao 36º DP (Vila Mariana). O refém e os policiais não se feriram. FONTE: FOLHA ON LINE

terça-feira, 19 de maio de 2009

Polícia apreende 700 pedras de crack no Parque São Luiz em Taubaté

Três homens, entre eles um menor de idade, foram presos na manhã desta terça-feira (19), em Taubaté, suspeitos de tráfico de drogas.

Na casa onde estavam, no Parque São Luiz, foram encontradas 700 pedras de crack e material para embalagem. A polícia investiga o local há pelo menos um mês e suspeita que a casa funcionava como ponto de distribuição de drogas.

Os dois presos já tinham passagem pela polícia, foram levados para o centro de triagem e serão encaminhados para o CDP. O menor ficará à disposição da Justiça.FONTE:VNEWS

Ladrão trapalhão atira contra a própria perna e acaba preso

O foragido Rodrigo de Souza Moreira, de 26 anos, que foi beneficiado pelo indulto do Dia das Mães e não retornou ao presídio, atirou na própria perna enquanto tentava roubar um carro, anteontem à noite, no bairro do Limão, na Zona Norte da capital. Depois da trapalhada, Rodrigo acabou preso.

Junto com dois comparsas, ele aproveitou o trânsito parado na Ponte Júlio de Mesquita Neto para render o motorista de um Celta prata que aguardava para entrar no estacionamento de uma casa de shows. Sob a mira de um revólver calibre 38, o motorista, um manobrista de 25 anos, foi obrigado a pular para o banco de trás do carro, ficando lado a lado com um dos três criminosos.

Outro bandido ocupou o banco do passageiro, na parte da frente do carro, enquanto Rodrigo assumiu o volante. Porém, no momento em que Rodrigo fechou a porta, o revólver disparou e atingiu sua própria perna direita. Ao verem o comparsa ferido, os outros dois ladrões tentaram sair com o carro, mas não conseguiram, por causa do trânsito.

Após retirarem o rádio do carro, a dupla arrastou Rodrigo pela ponte por cerca de 200 metros e tentou pedir ajuda para outra motorista. No entanto, ela foi alertada por testemunhas que se tratavam de criminosos e se negou a levá-los. Ao verem a aglomeração de pessoas se formar, os dois ladrões abandonaram Rodrigo na ponte e fugiram a pé.

5% dos presos que ganharam saída temporária no Dia das Mães não voltaram

Quase 5% dos presos que foram beneficiados com a saída temporária no Dia das Mães não retornaram para as penitenciárias do estado de acordo com balanço divulgado pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) nesta segunda-feira (18).

Entre 6 e 8 de maio, 20.228 detentos ganharam o direito de deixar temporariamente os presídios de São Paulo para passar o feriado em casa. Todos deveriam retornar até dia 13, mas apenas 19.261 voltaram. Os 967 que não retornaram são considerados foragidos e, caso sejam recapturados, perderão o benefício do regime semi-aberto.

Ladrão preso em Maresias estava escondido dentro de caixa d’água

A Força Tática, grupo de operações especiais da Polícia Militar, prendeu na noite do último sábado, por volta das 20h, Jéferson Silva de Oliveira, de 22 anos, após roubar um chalé, localizado na Rua Jacinto Furtado de Oliveira, no bairro de Maresias, na Costa Sul do município, conforme noticiado no Imprensa Livre ontem.

Porém, o que chamou a atenção nesta história, foi o fato, não foi informado inicialmente pela polícia, do infrator ter sido encontrado dentro da caixa d’água da residência, que no momento da ação, estava cheia, com aproximadamente mil litros.

Os policiais constataram que Oliveira estava no reservatório ao avistarem marcas de pegadas no segundo andar do imóvel, que dá acesso ao forro, ponto da casa onde fica a caixa. Ainda molhado, o infrator passou por uma revista pessoal, que resultou na localização de uma nota de R$ 50, que segundo a corporação, seria falsa, devido ao fato das cores do papel saírem ao serem tocadas.

Inicialmente identificado como Vanderson, o infrator também teve sua situação agravada depois de ser levado ao 1º Distrito da Polícia Civil, no bairro da Vila Amélia, na região central da cidade. Na unidade, o nome verdadeiro foi confirmado e ainda foi constatado que estava foragido desde abril, quando ganhou o indulto de Páscoa. Antes disso, cumpria pena, também por roubo, no Centro de Detenção Provisória (CDP), em Mongaguá (SP).

Comparsa

Oliveira ainda estava acompanhado de um outro ladrão, que apesar do cerco realizado pelos homens da Força Tática, conseguiu fugir em um terreno baldio ao lado do chalé. Entretanto, desesperado com a ação dos policiais, deixou uma mochila preta no terreno, contento uma câmera digital Oympus (para fotografar na água), uma câmera digital Sony Cibershot, um notebook e um Ipod, todos produtos do roubo. De acordo com os policiais, o valor estimado pelos aparelhos eletrônicos estava em R$ 6 mil. Agora, o paradeiro do comparsa está sob responsabilidade da Polícia Civil. FONTE:IMPRENSA LIVRE

Cabo do Exército é preso suspeito de participar de roubo de fuzis

O Exército confirmou a prisão de um cabo das Forças Armadas por suspeita de participação no roubo dos fuzis do batalhão de Caçapava. O crime aconteceu em março deste ano.

O militar está recluso no 6º Batalhão de Infantaria Leve da cidade desde domingo (17) e fica à disposição da Justiça Militar. o Exército deve se manifestar oficialmente ainda nesta terça-feira (19).

Até o momento, cinco pessoas foram presas e seis dos sete fuzis roubados foram recuperados. FONTE: VNEWS

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Mulher morre em motel com 3 policiais civis

Uma vendedora de 33 anos foi encontrada morta com um tiro no peito dentro de um quarto de motel na Vila Tupi, em Praia Grande (71 km de SP), na manhã de anteontem. Ela havia passado a noite com três policiais civis e mais uma amiga dentro do quarto. A arma que a matou é de um dos policiais.

No carro do grupo, a perícia encontrou sete pinos plásticos com vestígios de cocaína.

A Polícia Civil trata o caso como suicídio. Já a família da vítima, Keile Abadia Limirio, acredita que a mulher tenha sido assassinada.

Segundo a Secretaria de Estado da Segurança Pública, o grupo havia entrado no motel na noite de sexta-feira. Em depoimento, os policiais que estavam no quarto disseram que Keile se levantou durante a noite e foi sozinha até o carro do grupo, de onde tirou uma pistola do porta-luvas.

Em seguida, ainda segundo a versão dos policiais, ela caminhou até o banheiro e atirou contra o próprio peito.

A mãe da mulher, a dona de casa Maria José Limirio, 56 anos, discorda da versão. "Minha filha foi assassinada. Tenho certeza. Tiraram ela de mim e isso não vai ficar assim", disse ontem.

A mãe diz não acreditar em suicídio porque a jovem era uma pessoa "feliz". "Conversei com ela na quinta-feira, ela estava animada, falou que viria para cá." Segundo a mãe, o tiro pode ter sido resultado de uma briga.

A família da vítima é de Jeriquara (439 km de SP). A jovem, segundo a mãe, vivia sozinha em Ribeirão Preto (313 km de SP) desde os 18 anos. "Ela sustentava a gente [mãe e pai da vítima]. Viajava, cuidava de tudo.

Um dos irmãos de Keile é sargento da polícia militar. "Ele [irmão] tentou saber o que tinha acontecido, conversar com essas pessoas [que estavam no quarto]. Ninguém quis falar com ele", disse a Maria José.

A família não conhecia os acompanhantes da moça. "Ela era muito levada. Não me falava dessas coisas porque não foi a educação que dei."

Os policiais civis trabalham na capital. Os nomes não foram divulgados. Um inquérito conduzido pela Corregedoria da Polícia de Santos vai apurar o caso.

domingo, 17 de maio de 2009

Preso procurado pelo roubo dos fuzis em Caçapava

Por volta das 23h30 deste sábado (16), foi preso um dos principais procurados pelo roubo dos sete fuzis do 6º Batalhão de Infantaria Leve em Caçapava/SP, ocorrido em 08 de março deste ano.

O jovem de 25 anos J. A. L. M., conhecido como "Sapão", estava na casa de sua namorada, no bairro Jardim das Indústrias, em São José dos Campos.

O mandado de prisão preventiva, expedido pela 1ª Vara da Justiça Federal em Taubaté, foi cumprido pela Polícia Federal, Exército e Polícia Militar, sendo que a investigação foi conduzida pela Delegacia de Polícia Federal em São José dos Campos.

Durante o interrogatório, "Sapão" confessou haver participado do roubo como motorista do bando, guardando os sete fuzis roubados durante algum tempo, até a distribuição das armas entre os demais membros da quadrilha. Ele afirma desconhecer o paradeiro do sétimo e último fuzil que ainda está desaparecido.

O fuzil que estava com ele foi encontrado, recentemente, enterrado em um imóvel no bairro Perequê, em Caraguatatuba.

Com "Sapão" foi apreendida ainda uma moto Honda Twister 2008, vermelha. A namorada do preso foi liberada após prestar esclarecimentos.FONTE:VNEWS

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Para acabar com ladrão pena de morte é a solução



Enquete relizada em nosso blog, perguntava: Você é a favor da pena de morte?
A maioria 87% dos leitores, disseram que são favoráveis a pena de morte, e 12% são contra essa prática.
No brasil a pena de morte existe, e acontece ao ar livre por todo o país. Em algumas cidades existem até tribunais do crime organizado, onde há um juiz "bandido" que dá a sentença de morte.
Um caso muito conhecido, é o caso do reportér da TV Globo Tim Lopes, que foi julgado,condenado,torturado e assassinado. O corpo do jornalista foi queimado em pneus na favela do Alemão, essa prática é chamada de microondas.
Enquanto não há punições duras para criminosos, eles continuam matando país de familia e desafetos, e a próxima vitima dessa pena de morte aplicada pelo crime pode ser você.

Aposentada morre após sofrer queda na Santa Casa

Descaso, irresponsabilidade, falta de funcionários, incompetência, negligência???
Esta é a pergunta que fica no ar, após a aposentada Lourdes Rolim do Amaral de 75 anos, ter caído da cama dentro da Casa de Saúde Stella Maris, onde estava internada.
A senhora sofreu traumatismo craniano, teve morte cerebral na ultima quarta-feira 13/05, e morreu ás 04h50min da madrugada desta sexta-feira 15/05.
Familiares registraram boletim de ocorrência na delegacia, e o corpo foi para o IML (Instituto Médico Legal), que constatou como causa morte: traumatismo de crânio encefálico.
Indignados os filhos da aposentada vão mover um processo contra a Santa Casa, e a policia civil abrirá um inquérito policial para investigar o caso.
Dona Lourdes era moradora do bairro Ipiranga, e tinha 10 filhos que estavam indignados com o hospital. O corpo da aposentada foi enterrado no cemitério municipal de Caraguatatuba.

Prefeito de Caraguá não vai deixar CDP virar penitenciária e cadeia ser reativada.

Na semana passada a polêmica foi lançada no blog e programa plantão policial, que o CDP passaria a ser penitenciária e a antiga cadeia reativada.
Em entrevista o vice prefeito Antonio Carlos Junior e o vereador Neto Bota disseram que iriam falar com o prefeito que com certeza não aceitaria.
Hoje 15/05 conversei com o vereador Neto Bota, que me informou que o prefeito Antonio Carlos não vai deixar isso acontecer.
Colaboramos aceitando o CDP, mas a cadeia ser reativada e o CDP virar penitenciária não vou deixar, foram segundo Neto Bota as palavras do prefeito.
Na semana que vem estarei agendando uma entrevista com o prefeito, e vamos saber quais as providências ele irá tomar para que isso não aconteça.

Parabéns policia militar, "assim que se trata vagabundo"


O comando da Polícia Militar classificou como "ação criminosa" o protesto ocorrido anteontem na favela do Tiquatira, na Penha (zona leste de SP), e disse ter iniciado ontem uma operação de ocupação na área por tempo indeterminado. O protesto terminou com três veículos queimados e seis feridos --entre eles um bebê de um ano, que teve traumatismo craniano.

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Prefeito aprove o pró-labore aos policiais???

Pesquisa realizada em nosso blog perguntou: O prefeito deve aprovar o pró-labore, 52% dos leitores votaram que sim, o prefeito irá dar o pró-labore aos policiais, 16% acreditam que não, que o prefeito não é favor do projeto aprovado pela câmara e pelo ex-prefeito.
A maioria acredita que o prefeito Antonio Carlos, irá autorizar o pagamento do benefício aos policiais da cidade, o que com certeza ajudaria no orçamento familiar e policiais que trabalham em outras cidades se interessaria em trabalhar na cidade.
Hoje o efetivo é defasado, e vários policiais aguardam transferência para trabalhar em outras cidades devido a diferença salarial.
Ajuda aí prefeito, Caraguá necessita de mais segurança???

Fuzil roubado do Exército é encontrado em Caraguá


A equipe do 1º Distrito Policial de Caraguatatuba localizou ontem um dos fuzis roubados do Exército. O roubo, praticado por cinco homens, aconteceu em março último, quando sete fuzis foram levados do 6º Batalhão de Infantaria Leve, em Caçapava.

Este é o sexto fuzil encontrado pela polícia, que já tinha localizado um em São José dos Campos, e outros quatro em Jambeiro, na semana passada.
Empenhada nas investigações desde a prisão, na semana passada, também em Caraguatatuba, de um suspeito, a Polícia Civil do município encontrou o sexto fuzil ontem, por volta das 15h, na rua Josefa Gonçalves de Almeida, no bairro do Perequê Mirim. A arma estava enterrada no meio de um matagal existente num terreno desta rua.

“Depois da operação conjunta com o Exército, realizada na semana passada, nós começamos a receber muitas informações e denúncias sobre o paradeiro dos fuzis. Numa delas, um morador do bairro disse que um vizinho teria visto três homens enterrando alguma coisa na noite da última sexta-feira.

Uma destas pessoas seria um adolescente já conhecido da polícia”, conta o delegado seccional, Múcio Alvarenga.
Com esta informação, os policiais Mozart e Flores, da equipe do 1º DP, foram até o local. “Este terreno é coberto por um matagal que vai até a cintura, mas numa determinada área o mato estava amassado e havia terra revirada. Ali os policiais encontraram o fuzil enterrado, intacto e envolto em plástico”, conta o delegado.

A arma e o informante, que foi ouvido como testemunha, foram levados para a Delegacia do Interior (Deinter), em São José dos Campos, onde corre o inquérito policial sobre o furto dos fuzis.

Está detido o menor apontado pelos moradores como suspeito de ter enterrado a arma. M.G.N., de 17 anos, morador no Perequê Mirim, também foi levado, com autorização judicial, para depor em São José dos Campos. No início da noite ele deveria retornar para Caraguatatuba, onde seria lavrado um Ato Infracional de natureza grave e onde ele permanecerá à disposição da Justiça. Segundo a polícia, o jovem já teve envolvimento com drogas, não trabalha, não estuda e já foi expulso de casa. O adolescente também já perdeu um irmão, tido como traficante e que foi assassinado há dois anos em Caraguatatuba.
No depoimento dado no Deinter, ele contou que estava sentado na frente de sua casa dias antes da operação conjunta das polícias, quando viu um carro passar e jogar uma mochila, onde encontrou o fuzil, decidindo então enterrá-lo.

Para o delegado Múcio Alvarenga, “este caso mostra que a população deve acreditar na justiça e na polícia, colaborando com informações. Qualquer pessoa pode ligar para o 197 e nem precisa se identificar. Imagine uma arma deste tipo na mão dos bandidos, seria um perigo”, afirma o delegado.

O coronel José Mateus Teixeira Ribeiro, do serviço de relações públicas da 12ª Brigada de Infantaria Leve, que abrange o 6º Batalhão, em declaração dada ontem, disse que “estamos próximos de finalizar essa ocorrência, mas as investigações são sigilosas”, acrescentou. Ontem mesmo o fuzil encontrado no Perequê Mirim foi devolvido ao Exército.FONTE:IMPRENSA LIVRE

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Rota vira tropa de elite contra o PCC

Os órgãos de segurança pública do estado de São Paulo irão usar os policiais militares das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar ( Rota ) no combate à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). A decisão, diz o coronel Danilo Antão Fernandes, comandante interino da Polícia Militar, é “uma estratégia de governo” e tem como objetivo “dar uma resposta à altura ao crime organizado”.

O subcomandante revelou a nova estratégia ontem, durante solenidade na sede da Rota em homenagem ao capitão Alberto Mendes Júnior, assassinado na década de 70 pelo guerrilheiro Carlos Lamarca, durante o regime militar. “A Rota não é uma polícia para atender as ligações do 190. É uma polícia de elite. Os policiais são altamente preparados, e serão usados para acabarmos com o crime organizado”, disse o coronel.

Segundo Fernades, todas as informações de inteligência do Ministério Público e Justiça serão direcionadas à Rota , que “usará todas as ferramentas possíveis, como inteligência, investigação, escutas e infiltração” para acabar com a facção.

Ladrão entra em esgoto para fugir da policia

Elisinaldo de Jesus Santos, de 23 anos, entrou em uma tubulação de esgoto para fugir de policiais civis em Guarulhos, na Grande São Paulo, na madrugada desta terça-feira. Ele era um dos quatro ladrões que guinchavam uma Kombi furtada com um Opala, na Avenida Júlia Gaiolli, ao lado da Rodovia Dutra. Depois da fuga, o criminoso foi encontrado em casa.

Após desconfiar do grupo, policiais civis fizeram a abordagem e foram recebidos a tiros. Três dos bandidos atravessaram a rodovia, fugindo em direção
ao bairro Bonsucesso. Um deles foi preso e os outros escaparam. Elisinaldo conseguiu fugir ao entrar em uma tubulação de esgoto ao lado da rodovia.
Levado à delegacia, o ladrão preso revelou nomes e endereços dos comparsas. A polícia então chegou à casa de Elisinaldo.

Homem fica ferido em tentativa de homicídio em Guaratinguetá


Um homem de 33 anos foi vítima de uma tentativa de homicídio ontem (12), em Guaratinguetá. Segundo testemunhas, o crime aconteceu quando os dois suspeitos, em uma motocicleta, abordaram a vítima na rua. O homem ainda tentou fugir, mas foi atingido pelos disparos – quatro deles na barriga.

A polícia suspeita que o atentado tenha sido motivado por um acerto de contas, já que a vítima tem passagem por tráfico de drogas. O ferido está internado na Santa Casa da cidade.FONTE: VNEWS

Homem mata filha de 6 anos e fere ex-mulher

Ribeirão Preto, SP (AE) - Um crime chocou a pacata Santa Cruz das Palmeiras, na região de Ribeirão Preto, no final da noite de segunda-feira. Um rapaz de 26 anos atirou contra a ex-mulher, de 25, e a filha, de 6, e depois cometeu suicídio na própria residência. A ex-mulher ficou gravemente ferida e a filha morreu. O crime teria sido premeditado, pois ele deixou uma carta para a filha. O revólver calibre 32, com numeração raspada, tinha apenas dois projéteis. A Polícia Civil investiga o caso e ouvirá parentes.
O crime ocorreu por volta de 23h30. Edvandro Ferreira Braga, que estava morando e trabalhando em Araras, atirou na ex-mulher Ana Célia Alves da Silva. A bala, no entanto, atingiu também a menina Letícia Alves Braga. Em seguida, Braga fugiu para um matagal e atirou contra a própria cabeça. A Polícia Militar foi acionada por vizinhos e prestou socorro.
A criança morreu no hospital. Braga foi levado para a Santa Casa, mas também não resistiu. Ana Célia foi internada e está em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital de Mogi Guaçu. Segundo informações da Polícia Civil, na carta deixada para a filha, Braga teria pedido desculpas e relatado que teria deixado algum dinheiro para ela. Fonte: IMPRENSA LIVRE

terça-feira, 12 de maio de 2009

Homem é detido suspeito de estuprar a sogra

O sitiante D.N.J de 38 anos, foi detido pela policia militar sob acusação de ter estuprado a sogra que tem 67 anos.
O caso ocorreu na ultima segunda-feira 11/05, no bairro Pegoreli em Caraguatatuba.
A policia militar foi acionada para comparecer no local, onde a cunhada do acusado relatou aos policiais que o marido de sua irmã, estaria abusando de sua mãe a mais de um ano e que na data de ontem veio a abusar novamente da mãe.
A vitima confirmou a violência sexual, dizendo que o genro a agarrou e a violentou e sentia muitas dores. A senhora de 67 anos foi levado ao hospital, onde foi constatado que a vitima havia sofrido violência sexual no anus.
O acusado detido nas imediações, contou aos policiais que a sogra foi a sua casa e teria se oferecido para ele.
Conduzido à delegacia, o caso foi registrado como averiguação de estupro, o suspeito foi liberado por falta de testemunha ocular.

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Assaltantes atiram contra policiais no Sumaré

Por volta das 23h00min do ultimo domingo 10/05, os policiais militares Sd. Gonzaga e Portela foram recebidos a tiros por assaltantes após uma perseguição na rua. Pindamonhangaba no Sumaré.
Os policiais perseguiam o veiculo Ford KA que havia sido roubado na Prainha, e após não conseguirem fazer uma curva, os marginais desceram do veículo e efetuaram dois disparos em direção dos militares.
Com a chegada de outras viaturas os marginais foram cercados e acabaram presos.
O menor R.A.F de 15 anos e o desocupado E.C.C de 18 anos, o vulgo “Cananéia”, foram conduzidos a delegacia onde o caso foi registrado e acabaram presos por roubo e resistência.

Homem faz o filho refém e ameaça explodir casa

No ultimo domingo 10/05, o dia das mães foi tenso na casa da autônoma C.A. B de 39 anos. Após se desentender com o marido o ajudante F.R.S.N de 36 anos, que estava exaltado e ameaçou matar a mulher com um facão, e após joga - lá para fora de casa amarrou o filho em um botijão de gás e ameaçava causar uma explosão.
O caso ocorreu por volta das 04h30min da madrugada, na rua. Sete no bairro Caputera.
A policia militar foi acionada, e após muita conversa com o homem enfurecido, foi convencido a libertar o filho de 12 anos e se entregar.
O motivo de tanta fúria seria após o acusado saber que um outro filho do casal não era filho dele.
Conduzido à delegacia, o homem acabou preso por tentativa de homicídio e cárcere privado.

domingo, 10 de maio de 2009

Encerrado pesquisa sobre qual policia realiza o melhor trabalho para a população






Pesquisa realizada em nosso blog, aponta que 45% das pessoas que votaram na enquete acreditam que a policia militar (Infantaria), realiza o melhor trabalho para a população. Em segundo lugar com 36% vem o Corpo de Bombeiros, que realmente realiza um excelente trabalho salvando vidas, em terceiro a policia ambiental com 8%,a policia civil em terceiro com 6%, e em quarto o policiamento rodoviário com 3%.
Obrigado aos leitores que opinaram, e continuem vontando em nossas enquetes.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Polícia encontra quatro fuzis roubados do batalhão do Exército em sítio de Jambeiro


Mais quatro fuzis roubados do Batalhão do Exército de Caçapava foram encontrados no fim da manhã desta sexta-feira (8) em um sítio da cidade de Jambeiro. A propriedade fica na estrada Julio de Paula Moraes, que liga a Rodovia dos Tamoios à região central de Jambeiro. De acordo com a polícia, o local fica próximo ao Batalhão de Caçapava.

As armas foram encontradas dentro de um tonel, enterrado em um curral do sítio. De acordo com informações do Tenente Coronel José Mateus Ribeiro, neste buraco caberia um homem em pé. Para disfarçar o buraco que escondia as armas, foi colocada uma ossada de gado.

As armas chegaram no começo desta tarde à sede do Deinter de São José dos Campos e estão intactas. Segundo o Exército, a intenção dos bandidos era esconder o armamento por medo.

Neste momento, o Exército está em reunião com o diretor do Deinter da cidade. Ninguém foi encontrado no sítio durante a apreensão, mas a polícia informou que algumas pessoas estão sendo ouvidas no Deinter sobre o caso.

Os fuzis foram encontrados no dia seguinte de uma operação da polícia e do Exército, que prendeu o principal suspeito do roubo das armas, em Caraguatatuba: Erasmo Dal Col Junior, mais conhecido como Nariga ou Matrix. Ele é acusado de ser um dos líderes de uma organização criminosa que atua nos presídios da região.

Suposto membro do PCC é preso em Caraguá por envolvimento no roubo de fuzis

O Exército e as polícias Civil, Militar e Federal realizaram ontem, em Caraguatatuba, uma operação conjunta na busca dos fuzis que foram roubados há exatos dois meses no 6º Batalhão de Infantaria Leve, em Caçapava.

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão foram encontradas 139 pedras de crack em residências localizadas na região Sul. Duas pessoas foram detidas por tráfico e porte de entorpecentes.

A maior apreensão, de 140 pedras, estava em poder de Carlos Henrique Magalhães Alves do Santos, 19 anos, na rua Izidro Paulino Ferreira, no Travessão. Ele foi detido por policiais civis e federais que atuavam naquela área.

Na rua Oscarina Vaz Pereira, na Praia das Palmeiras, os policiais encontraram 12 gramas com Erasmos Dal Col Junior, conhecido por “Nariga”, 27 anos.A ação ocorreu por volta das 6h e no final da tarde a Justiça de Caçapava determinou sua prisão preventiva após ter sido reconhecido, por foto, com um dos assaltantes que invadiram o Batalhão no dia 8 de março passado. O suspeito será transferido para o Batalhão.

De acordo com o delegado seccional do Litoral Norte, Múcio Mattos Monteiro de Alvarenga, as investigações realizadas pelas equipes de inteligência apontaram que os fuzis roubados no Batalhão de Caçapava poderiam estar escondidos em Caraguá. Dos sete levados pelos assaltantes, apenas um foi recuperado.

Além das polícias, soldados da 12ª Brigada de Infantaria Aeromóvel, de Caçapava, também participaram da ação na cidade litorânea. Eles montaram barreiras em vários pontos do município, além de cumprir os mandados de busca.
De acordo com o coronel José Mateus Teixeira Ribeiro, oficial de comunicação da Brigada, as investigações correm em sigilo e não tem data para terminar. Segundo ele, os soldados estão focados na busca do armamento desaparecido.

Ontem, um grupo de encontrava na rodovia Rio-Santos, no Porto Novo. Armados com fuzis e detectores de metais, todos os veículos eram analisados. Outro ponto de bloqueio ontem foi na Rodovia dos Tamoios, logo no final do trecho de serra.

Entenda o caso

Os sete fuzis foram roubados do 6º Batalhão de Infantaria Leve, em Caçapava, no fim da noite do domingo, dia 8 de março. Os bandidos atacaram dois postos de sentinela do Batalhão do Exército e um militar ficou ferido durante o confronto. O roubo foi praticado por um grupo formado por ao menos cinco homens armados
O Comando da Unidade determinou a abertura de um Inquérito Policial Militar para a apuração do roubo e montou um esquema para recuperar o armamento.

Em abril, um dia depois do Exército anunciar o fim das buscas, a Polícia Civil de São José dos Campos recuperou um dos armamentos, que estava intacto em uma casa do bairro Jardim da Granja.FONTE: IMPRENSA LIVRE

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Denúncia: Cadeia de Caraguá já passa por estudos de reforma e já recebeu viatura nova



A antiga cadeia pública de Caraguatatuba, já passa por estudos de reforma, e já recebeu uma viatura, como se pode visualizar ao lado (foto) CP Caraguatatuba, o que quer dizer “Cadeia Pública Caraguatatuba”.
A cadeia está interditada pela justiça, e existe uma liminar que condena o prédio, mas segundo informações ela será reativada e o CDP de Caraguatatuba passará a ser penitenciária.
Moradores do bairro Jardim Primavera não querem que a cadeia volte a funcionar, “quando existia a cadeia aqui era um inferno”, desabafa um morador próximo à delegacia central.
Fugas, rebeliões, tiros, e muita correria pelo bairro, é um pesadelo vivido por moradores durante anos, hoje a situação no bairro é tranqüila e temem a volta da cadeia.
A população pede a intervenção das autoridades, para que a cadeia pública não seja reativada.

Operação em Caraguá, polícia prende principal suspeito do roubo dos fuzis de Caçapava


A polícia e o Exército fizeram nesta quinta-feira 07/05, uma operação em busca de drogas em Caraguatatuba e duas pessoas foram presas.Os trabalhos se iniciram pela madrugada, e se estendeu até o final da manhã.

A operação já terminou e os representantes as polícias Civil, Militar e Federal se reuniram na cidade. Ninguém deu entrevista, mas o delegado seccional de São Sebastião informou que cerca de 60 homens, das 3 polícias e militares do Exército, participaram da operação.

Desde cedo, o Exército fez um bloqueio na Rodovia dos Tamoios, na chegada a Caraguatatuba. O delegado informou também que os homens do Exército não estão na cidade para procurar os fuzis roubados do Batalhão de Caçapava há dois meses. O objetivo dos trabalhos de hoje era a apreensão de drogas.

As blitz aconteceram em 6 pontos diferentes de Caraguá e 140 pedras de crack foram apreendidas no bairro Travessão na região sul. Duas pessoas foram presas, uma por tráfico e outra por porte de drogas, que seria membro da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

De acordo com o delegado seccional de São José dos Campos, o homem preso por tráfico de drogas é o principal suspeito de envolvimento no roubo dos fuzis de Caçapava.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Jovem mata bandido que atirou na madrasta


CAMPINAS -- A comerciante Lilian Aparecida Fernandes, 38 anos, foi morta com dois tiros no rosto enquanto era mantida refém com sua família em Campinas (93 km de SP), no final da madrugada de ontem. Pouco após o crime, o enteado da vítima de 17 anos matou o assassino --um vizinho que vivia na mesma rua-- usando um macaco e uma chave de roda do carro onde todos estavam.

Além de Lilian e do enteado, foram feitos reféns o pai do adolescente e marido da vítima, o comerciante Antonio Carlos Rodrigues dos Santos, 43 anos, o meio irmão do adolescente, de 11 anos, e uma tia dele de 18 anos. Todos foram mantidos sob a mira da arma de Claudemir Alves da Costa, 32 anos, dentro do Uno da família. "Ele era amigo da gente. Fez isso aí não sei o motivo", disse Santos.

O comerciante relatou que, por volta da 0h, Costa bateu na casa da família, que fica em cima de seu bar, no Jardim Campos Elíseos, bairro da periferia da cidade. Insistentemente, ele chamava pela irmã de criação de Lilian, ao mesmo tempo que jogava pequenas pedras no telhado e nas janelas da casa, segundo o boletim de ocorrência registrado no 11º DP da cidade. Santos contou que ninguém abriu a porta nesse momento.

Já por volta das 3h, Costa voltou ao sobrado, pulou o muro de mais de três metros, subiu as escadas e bateu na porta, de acordo com o relato. Mas desta vez o bandido chamava por Lilian, que acabou permitindo que Costa entrasse. "Ele mandou acordar todo mundo", disse o comerciante.

Por mais de uma hora, o bandido ficou no local pedindo cigarros a Santos e doces para Lilian. "Ele estava descontrolado. Parecia drogado", contou o comerciante.

De repente, o bandido pediu que Lilian o acompanhasse à garagem da casa. "Ele falou que a arma dele estava lá", disse Santos. De acordo com o boletim de ocorrência, Costa falava que tinha sido perseguido pela polícia pouco antes e que havia jogado sua pistola calibre 22 na garagem da casa.

Santos contou que, após pegar a arma, o bandido ficou agressivo e deu uma coronhada no rosto de sua mulher.

Reféns

"Ele falou que a gente ficava caguetando. Achava que ela (Lilian) que caguetava. E disse que a gente ia dar uma voltinha", contou Santos.

O bandido obrigou os cinco a entrar no Uno de Lilian, que assumiu o volante. Como o carro estava quase sem álcool, Costa fez a comerciante parar em um posto de combustíveis. Com o carro abastecido, o criminoso mandou a vítima seguir para a estrada do Mão Branca, segundo o relato.

Ao chegar na estrada de terra de um pesqueiro, o bandido disparou duas vezes contra o rosto de Lilian, e o carro bateu em uma árvore. Costa acabou prensado pelo banco contra o vidro. Santos aproveitou para prensá-lo ainda mais com uma das pernas para segurá-lo. O criminoso chegou a tentar disparar mais vezes contra o resto família, mas a arma falhou. "Aí eu falei: 'Pega o macaco, filho! Vamos tentar fazê-lo desmaiar!", disse Santos.

O jovem contou ao Agora que foi até o porta-malas, e pegou também uma chave de roda. Com pedras que encontrou no chão, quebrou o vidro dianteiro do carro e puxou Costa para fora. O adolescente não se lembra quantos golpes deu no bandido. "Ele tentava escapar, mas eu quebrei o braço dele", disse o jovem, que não foi detido. A PM recomenda que as vítimas nunca reajam.

'Ele teve o fim que procurou'

"O que a gente procura nesse mundo, a gente acha... Mas ele não dava bandeira de estar fazendo nada de errado", disse a irmã do criminoso, a doméstica Aparecida Fátima da Costa, 34 anos, na tarde de ontem. Aparecida contou, no entanto, que, desde que saiu da cadeia, em agosto do ano passado, Costa não tentou arrumar um emprego ou qualquer outra maneira de se regenerar.
"Ele procurou e ele achou", concluiu a doméstica, que não está espantada pelo fim de seu irmão.

Costa ficou 11 anos preso, segundo a polícia. Cumpriu penas por roubo, tentativa de homicídio, receptação, formação de quadrilha e motim de presos.

Para o delegado Marcelo Fávaro, titular do 11º DP de Campinas, o adolescente que matou o bandido "agiu em legítima defesa, dele e da família dele", já que Costa tentou atirar mais vezes depois de acertar Lilian. Fávaro fez uma recomendação à Vara da InfÔncia e da Juventude da cidade para que o garoto não fosse recolhido, e o menor não foi detido.FONTE:AGORA

Bandidos se passam por policiais e assaltam dono do Galeão em Cambury

Numa ação ousada, três assaltantes roubaram R$ 15 mil do proprietário da danceteria “O Galeão”, localizada em Cambury. O crime ocorreu por volta das 13h de segunda-feira, quando a vítima Silvio Gebaile, acompanhado do gerente da danceteria, seguia em seu veículo para Boiçucanga onde depositaria o dinheiro arrecadado durante o feriado prolongado.

Silvinho, como é conhecido, foi abordado na subida da serra de Cambury por um Corsa Sedan com dois homens armados que diziam ser policiais do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc). Os falsos policiais ordenaram que Silvinho parasse o carro no acostamento alegando denúncia de drogas dentro do veículo.

Vestidos com camisas da Polícia Civil, os assaltantes revistaram as vítimas. Em seguida, mandaram que entrassem no banco de trás do carro de Silvinho, pois seriam levados para averiguação. Um outro homem, que ficou dentro do Corsa, acompanhou o veículo das vítimas.
Agindo com violência, os bandidos diziam para que as vítimas permanecessem com a cabeça abaixada. Silvinho e o gerente da danceteria foram algemados com algemas descartáveis, produzidas com material plástico.

Os assaltantes entraram no Sertão do Cacau, um vilarejo de Cambury, onde abandonaram o carro com as vítimas. Eles fugiram no Corsa levando a mochila de Silvinho com a quantia roubada. Outro veículo, um Fiat Uno, também foi visto escoltando os bandidos, o que abre a possibilidade da participação de um quarto elemento no crime.

Rapidamente Silvinho conseguiu se livrar das algemas e acionou a polícia, que fez buscas pelas redondezas, mas não localizou o grupo.
Na tarde de ontem, policiais do 2° DP de Boiçucanga encontraram o Corsa usado na fuga. O veículo, roubado em São Paulo, foi abandonado na Rua dos Chilenos, em Cambury, o que reforça a hipótese de que os assaltantes ainda estejam na Costa Sul. FONTE: IMPRENSA LIVRE

Residência é roubada no Gaivotas

Por volta das 19:00 horas desta quarta-feira 06/05, a dona de casa E.B de 32 anos, chegou em sua casa na rua.Uirapuru no Jardim Gaivotas, e percebeu a presença de indivíduos no quintal, que ao avistarema dona da residência fugiram pelos fundos.
A vitima constatou que uma bicicleta foi roubada, e os meliantes deixaram no local uma arma de brinquedo.
A policia militar foi chamada, realizou buscas pelas imediações porém sem êxito de encontrar os marginais.
Moradores do bairro reclamam da falta de segurança, além da iluminação pública nas rua do bairro que é precária.

terça-feira, 5 de maio de 2009

Zéquinha sapatão é presa por tráfico de drogas no Tinga

Na tarde desta terça-feira 05/05, os policiais Sd.Gozaga e Portela, realizavam patrulhamento pela rua.Benedito Reis no Tinga, quando depararam com a desocupada E.M de 24 anos, a vulgo "Zéquinha Sapatão", que estava sentada e ao avistar os policiais se levantou rapidamente, o que chamou a atenção dos militares que resolveram abordar a acusada que já era conhecida nos meios policiais.
Ao verificar o local onde a mesma estava sentada, os policiais localizaram 18 pedras de crack, e escondido dentro da meia da acusada a quântia de R$50,00 em dinheiro.
O local é conhecido como rua "da Paca" e próxima da escola Antonio Alves Bernadino no Tinga, o que pode se tornar um agravante na pena da traficante.
Zéquinha Sapatão, que era conhecida pela prática de assaltos, será encaminhada para a cadeia feminina de Ubatuba.

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Dupla é presa por roubar turistas na trilha da pedra do jacaré


O desocupado D.S.S de 20 anos e o menor W.F.M de 15 anos, foram presos na tarde do ultimo sábado 02/05, após roubarem um casal de turistas na trilha que dá acesso a pedra do jacaré na Prainha.
O turista A.B. S de 22 anos estava acompanhado da namorada quando a dupla chegou agredindo, e mediante uso de força física roubaram uma bolsa contendo dois celulares, R$150,00 em dinheiro e a chave do carro.
Populares que estavam na trilha ajudaram o casal, e detiveram os acusados e acionaram a policia militar.
Ambos foram conduzidos a delegacia onde o fato foi registrado, o menor ficará a disposição da vara da infância, já o maior responderá por tentativa de roubo, e deve ser encaminhado para o CDP de Caraguatatuba.
Os assaltos na trilha que dá acesso à pedra do jacaré são freqüentes, o local que é cartão postal da cidade não tem sido seguro para ser visitado.

domingo, 3 de maio de 2009

Moradores do Jaraguazinho prometem fechar novamente a Tamoios caso DER não cumpra acordo


Moradores dos bairros Jaraguazinho, Rio do Ouro e Ponte Seca – bairros localizados às margens do trecho final da Rodovia dos Tamoios,prometem interditar novamente a rodovia caso o DER (Deparatamento de Estradas de Rogagem), não cumpra o acordo feito na ultima sexta-feira 01/05.Eles já haviam interditado a rodovia na sexta feira, por mais de três horas, o tráfego na rodovia na altura dos kms 81 e 82. Munidos de faixas e cartazes, os moradores tomaram as duas pistas da estrada, entre 9h e 12:30.

Feriado de dia do trabalho, início de um final de semana prolongado, o congestionamento na Tamoios, provocado pelo protesto, foi além do alto da serra. Ele irritou quem estava na estrada descendo para o litoral e preocupou a Polícia Rodoviária, mas não provocou nenhum acidente.

O motivo do protesto são os inúmeros atropelamentos e mortes registrados no trecho urbano da Rodovia dos Tamoios, na chegada ao Litoral Norte. São quase dois quilômetros entre o acesso ao bairro Rio do Ouro, nas proximidades da base da Polícia Rodoviária, também utilizado como rota alternativa para Ubatuba; e o trevo de Caraguatatuba.

“Só eu já presenciei três mortes e vários atropelamentos. Temos um índice altíssimo de atropelamentos e acidentes envolvendo pedestres e ciclistas. São moradores e crianças que moram num bairro, e estudam ou trabalham no outro, e são obrigados a atravessar a pista. Este trecho se transformou numa verdadeira pista de corrida, ninguém respeita nada”, conta o empresário José Luiz Ribeiro, proprietário da Oficina 70 e presidente da Associação dos Moradores do Jaraguazinho.
“Fizemos uma manifestação pacífica para reivindicar novamente a instalação de lombadas eletrônicas neste trecho. Este é um pedido dos moradores feito há mais de dois anos. A coisa ficou prometida, mas até hoje nada aconteceu. A Prefeitura não pode fazer nada, pois o trecho é do DER”, diz o presidente da associação, conhecido por Luizinho.
Ele conta que tentou “segurar” os moradores, que avisou o DER que ia ter problemas, mas não conseguiu evitar a manifestação.

O atropelamento da estudante Maryah Kayalla Fagundes por uma motocicleta, às 18h da última segunda-feira, na saída da escola, acirrou os ânimos da população destes bairros. A menina, que até ontem estava internada na UTI da Santa Casa, mora no Jaraguazinho e estuda na Escola estadual Comedador Mario Trombini, na Ponte Seca.

A preocupação maior de Luizinho ontem era evitar um confronto entre polícia e moradores. “Isto não interessava para ninguém e podia sair gente machucada”, diz ele. Assim, acompanhado pelo comandante da Polícia Militar, capitão César Eduardo Ferreira, ele deixou a manifestação, entrou no carro e rumou para a casa do prefeito Antônio Carlos da Silva.

“Fomos pedir que ele intervisse. Ele é querido e respeitado, só ele ia conseguir liberar a estrada, pois os moradores queriam um compromisso. Ele nos recebeu, mas como não podia sair naquele momento, ligou para o vice-prefeito, Antônio Carlos da Silva Junior, nós o pegamos em casa e voltamos para a estrada. Quando o Junior chegou,a estrada estava liberada e conseguimos evitar o confronto pois muitos manifestantes e policiais ainda estavam no local”, conta Luizinho

Segundo as lideranças da manifestação, haviam 1.000 moradores na estrada. O vice-prefeito, Junior, fala em pelos menos 700 pessoas. Depois de conversar e tranquilizar os manifestantes, ele se reuniu com uma comissão. Ainda no local, em contato com a mãe da menina acidentada, Junior fez uma ligação à Santa Casa para ter notícias do estado de saúde da garota. Segundo ele, o médico de plantão Marcelo Ugatti,teria dito que a adolescente reage bem, já saiu dos aparelhos respiratórios e respira sozinha, apesar de continuar na UTI em coma induzido.

“Ficou acertado que no início da próxima semana, o DER vai mandar um técnico para avaliar onde serão instaladas as lombadas eletrônicas e a faixa de travessia de pedestres. Nós vamos resolver isto”, garantiu Junior.

O compromisso assumido com os moradores foi a instalação, no prazo de 15 dias, de três lombadas eletrônicas com redutor de velocidade, além de instalação de uma faixa de travessia para pedestres, mais reforço na sinalização. E ainda: até que tudo isto esteja pronto, equipes da Divisão Municipal de Trânsito, DER e Polícia Rodoviária, permanecerão no local para orientar a travessia da pista nos horários de entrada e saída dos estudantes nas escolas locais.

Além de cinco representantes dos moradores, participaram da reunião com o vice-prefeito, realizada na sede provisória da associação, a mãe da vítima, Michelle Fagundes; o representante do DER, engenheiro Luiz Fernando; vereador Neto Bota;e os representantes da Polícia Militar, capitão César Eduardo; e o comandante da Polícia Rodoviária, capitão José Marcelo Macedo Costa.

“O Estado abandonou a gente”, diz Conseg



Para o representante do Conselho de Segurança (Conseg) da Costa Sul de São Sebastião, Éder Ávila, o Estado abandonou a região, em relação a um aumento de efetivo. “Já fizemos de tudo.

Nós precisamos de mais policiamento e perdemos a esperança de conseguir pelo Estado”, garante. Segundo Éder, este contingente será pedido à prefeitura.

“Decidimos agora solicitar aumento no efetivo da Guarda Municipal, que é mais fácil de ser atendido”, acrescenta. Além do pouco policiamento, Éder, que considera o aumento de violência geral e não somente na região, atribui o crescimento também a falha nas leis, que branda precisa ser mudada e aos bandidos que foram soltos e retornaram para região, pois já cumpriram pena ou saíram com indultos e não voltaram à prisão. Éder disse que já havia percebido um aumento nos crimes.

“Não precisa de estatística para saber”, desabafou. Conforme Éder a polícia tem prendido, a comunidade ajuda, mas precisa de mais medidas como a do “toque de recolher” com menores nas ruas à noite. “Sou a favor”, afirma.

Caraguatatuba- O governo do estado nos enganou, prometeu construir o CDP, para desativar as cadeias, agora o CDP pode virar penitenciária, e a cadeia de Caraguatatuba ser reativada.
Em breve será inaugurada a Fundação Casa, e há informações de que o estado pretende construir um presídio feminino ao lado da Fundação Casa e CDP.
Com tantas prisões, teremos em breve a sensação de estarmos em Tremembé.

sábado, 2 de maio de 2009

Em reunião com autoridades e moradores, DER promete instalar lombadas na Tamoios


Em uma reunião com autoridades municipais e moradores dos bairros Jaraguazinho e Rio do Ouro, o DER (Departamento de Estradas de Rodagem)prometeu a instalação de lombadas e radares eletrônicos.
Participaram da reunião além dos moradores, o vice prefeito Antonio Carlos Júnior, o vereador Neto Bota, um engenheiro do DER de nome Luiz, o comandante da policia rodoviária, e o presidente da sociedade amigos de bairro Luizinho do 70.
A reunião ocorreu após a manifestação que interditou a Tamoios por mais de 3 horas, e o vice prefeito e o vereador Neto Bota cobraram providências ao DER, que prometeu em breve instalar as lombadas. Um técnico virá no começo da semana fazer um estudo, e com a ajuda dos moradores será feito um estudo para saber onde instalar as lombadas.
O vice prefeito Antonio Carlos Junior, informou que a prefeitura pretende municipalizar alguns trechos da Tamoios e Rio Santos, para que a prefeitura possa tomar providências nesses casos.
Provisóriamente, o vice prefeito irá solicitar que o Ditran faça a travessia das crianças nos horários de entrada e saída das escolas.

Homem é assassinado em Boiçucanga

O autônomo Marcelino dos Santos, de 48 anos, foi assassinado na final da noite de quarta-feira, por volta das 22h, com um tiro da axila esquerda.

O crime ocorreu dentro de sua residência, localizada na Travessa Nova Boiçucanga, próximo à ponte do Beira Rio, no bairro de Boiçucanga, na Costa Sul do município, mas o corpo foi encontrado cerca de 10 metros da residência. Baleada, a vítima chegou a sair para rua, em busca de socorro, mas caiu morta.

A Polícia Militar e os investigadores do 2º Distrito da Polícia Civil, ambas corporações em Boiçucanga, informaram que foram os vizinhos que escutaram os tiros e viram Santos caído, acionando a polícia. Segundo os policiais militares e civis, no momento em que foi encontrada, a vítima vestia uma camisa verde e um biquíni com a mesma cor, o que levanta suspeitas de que seria homossexual. Ainda na casa, também foram encontradas camisinhas, muitas roupas femininas íntimas e uma bolsa, com o valor de R$ 5.375 em dinheiro.

De acordo com as duas corporações, Santos, que trabalhava eventualmente como ambulante, morava sozinho há cerca de cinco anos e tinha duas filhas, que moram distante. Ele, segundo os policiais, também trabalhava com venda de terrenos e sua casa era bem afastada da parte mais populosa do bairro. O caso está sob investigação, mas ainda não há autoria do crime. A polícia trabalha com a hipótese de crime passional, já que nada foi roubado. FONTE: IMPRENSA LIVRE

Manifestação para a Tamoios por mais de 3 horas





Cerca de 300 pessoas interditaram a Rodovia dos Tamoios, na chegada a Caraguatatuba, na manhã de sexta-feira 01/05. Elas protestaram contra o excesso de acidentes e os problemas de segurança na rodovia, e reinvidicavam a instalação de radares e lombadas.

Os manifestantes fecharam a rodovia por volta das 9h00. A estrada ficou interditada e o congestionamento chegou a 11 quilômetros. A paralisação foi no km 81.

A rodovia foi liberada por volta de 12h40.
Pelas câmeras do DER (Departamento de Estradas e Rodagem) foi possível ver a fila de veículos se formando,o desvio na entrada do bairro Rio do Ouro também foi bloqueado.
Os manifestantes exigiam a presença de autoridades municipais, e a via só foi liberada após a presença do vereador Neto Bota, e do vice prefeito Antonio Carlos Júnior.
Uma tropa de choque foi montada pela policia militar, e por pouco não houve um confronto entre policia e manifestantes.