quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Bandidos perseguem ajudante de 19 anos e disparam dois tiros na fuga

O ajudante geral Gledson da Silva Gonçalves, de 19 anos, quase foi morto na noite desta quarta-feira, em São Vicente, depois que bandidos armados tentaram roubar a moto que ele conduzia. A vítima, que foi atingida por dois disparos, tinha acabado de sair do supermercado onde trabalha e percebeu que dois homens a seguia em outra motocicleta. Ainda não há informações de suspeitos.

A perseguição ocorreu por volta das 22 horas, momentos após que Gledson saiu do trabalho e ia para casa, na Cidade Náutica. Em determinado ponto do trajeto, ele percebeu que estava sendo seguido por dois homens, não identificados. A vítima, então, acelerou e tentou despistá-los, mas não obteve sucesso.

No momento em que ele entrava na própria residência, localizada em uma via próxima à Avenida Tancredo Neves, no bairro Tancredo, os homens armados dispararam diversos tiros contra a vítima. Dois deles o acertaram as costas e os demais se espalharam pelos paredes e portões do imóvel, que não chegou a ser invadido. Após a ação, os bandidos fugiram.

Gledson foi socorrido com a ajuda de vizinhos e da própria família ao Hospital Municipal de São Vicente, antigo Crei, passou por cirurgia e não corre risco de morrer. O caso foi encaminhado à Delegacia Sede da Cidade, mas já foi transferido para o 2º Distrito Policial. As circunstâncias da tentativa de roubo e homicídio estão sendo investigadas.

2 comentários:

  1. E hoje graças a deus estou bem nada de grave me aconteceu aliás aconteceu mais '' hoje estou bem''

    ResponderExcluir
  2. E hoje graças a deus estou bem nada de grave me aconteceu aliás aconteceu mais '' hoje estou bem''

    ResponderExcluir